Página Principal > Endocrinologia > Imunoterapia ligada a maior incidência de doenças auto-imunes

Imunoterapia ligada a maior incidência de doenças auto-imunes

As drogas imunoterápicas estão sendo consideradas um avanço no tratamento de pacientes com câncer. No entanto, com a expansão do seu uso, médicos e pesquisadores estão descobrindo que a imunoterapia está relacionada com maior incidência/risco de doenças auto-imunes.

A terapia, que usa o próprio sistema imunológico do corpo para combater o câncer, também pode estimular o sistema imunológico a atacar intestinos, fígado, pulmões, rins, glândulas adrenais e pituitária, pâncreas e, em casos raros, coração.

Médicos da Universidade de Yale encontraram evidências de que imunoterapia está causando um novo tipo de diabetes de início agudo, com pelo menos 17 casos até agora. Em clínicas de câncer em todo o mundo diversos outros efeitos colaterais estão aparecendo. Certas terapias causam reações severas em quase 20% dos pacientes. Quando os tratamentos são usados em combinação, mais de metade dos pacientes pode ter reações.

Outro artigo publicado no New England Journal of Medicine mostrou que o uso de drogas imunoterápicas comportava um risco de efeitos colaterais severos, hospitalização obrigatória ou 54% de risco de vida.

Veja também: ‘Medicina de Precisão no tratamento de câncer terminal’

Em contrapartida, estudos recentes têm encontrado resultados cada vez mais positivos no tratamento do câncer, com os farmacos nivolumabe e ipilimumabe. Para os apoiadores da imunoterapia, conviver com diabetes, hepatite ou outra doença auto-imune é melhor do que a alternativa, morrer de câncer.

A eficácia dos fármacos de imunoterapia e os seus efeitos secundários estão intimamente ligados pelos mesmos mecanismos biológicos. Por isso, pesquisadores americanos acreditam que esses resultados mostram que a medicina deve ser mais vigilante com estas drogas, realizando mais pesquisas sobre reações adversas e como tratá-las.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Referências:

  • http://www.nytimes.com/2016/12/03/health/immunotherapy-cancer.html?rref=collection%2Fsectioncollection%2Fhealth&action=click&contentCollection=health&region=rank&module=package&version=highlights&contentPlacement=1&pgtype=sectionfront
  • http://www.jwatch.org/fw112314/2016/12/05/cancer-immunotherapies-may-send-immune-system-overdrive?query=pfw&jwd=000020039906&jspc=IM

Comentários

Texto

Deixe uma resposta