Página Principal > Medicina Interna > Ebola > OMS: vacina contra Ebola pode ter ‘até 100% de eficácia’

OMS: vacina contra Ebola pode ter ‘até 100% de eficácia’

O surto de Ebola na África Ocidental entre 2013 e 2016 evidenciou a necessidade de desenvolver uma vacina eficaz para seres humanos. A aposta da Organização Mundial de Saúde (OMS) é a vacina rVSV-ZEBOV, de origem canadense, que teve 100% de eficácia em testes na Guiné.

Os testes foram feitos nas comunidades de Conakry e oito províncias vizinhas da Guiné. Os pesquisadores avaliaram a eficácia de uma única dose intramuscular de rVSV-ZEBOV na prevenção da doença do vírus Ebola confirmada laboratorialmente.

Após a confirmação de um caso de Ebola, os pesquisadores listaram uma rede de contatos, incluindo os ausentes no momento da visita da equipe. Em seguida, foi atribuída a vacinação imediata ou tardia (21 dias depois) em todos os indivíduos elegíveis (excluindo mulheres grávidas ou amamentando e indivíduos gravemente doentes). O processo foi realizado nos quase 6 mil casos totais.

A eficácia estimada da vacina foi de 100% ([IC] = 95%, 79,3 – 100; p = 0,0033) nos 10 dias posteriores à administração da dose. Cerca de 50% dos participantes relataram, pelo menos, um evento adverso moderado nos 14 dias após a vacinação: dor de cabeça, fadiga e dor muscular foram os mais notificados neste período em todos os grupos etários.

Veja também: ‘Ebola – o que os médicos precisam saber’

Foram identificados 80 eventos adversos graves, dos quais dois foram considerados relacionados à vacinação (uma reação febril e uma anafilaxia) e um possivelmente relacionado (doença gripal); os três se recuperaram sem sequelas.

Os resultados agregam peso à avaliação de que o rVSV-ZEBOV oferece uma proteção substancial contra o Ebola, sem casos entre os indivíduos vacinados. Os pesquisadores calculam que, no caso de uma epidemia, há 90% de possibilidades de que a vacina seja mais de 80% eficaz.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Referências:

  • Efficacy and effectiveness of an rVSV-vectored vaccine in preventing Ebola virus disease: final results from the Guinea ring vaccination, open-label, cluster-randomised trial (Ebola Ça Suffit!). Henao-Restrepo A Camacho A Longini I Watson C Edmunds W et. al. The Lancet, 2016. DOI: 10.1016/S0140-6736(16)32621-6

Deixe uma resposta