Página Principal > Medicina Interna (Página 30)

Medicina Interna

setembro, 2015

  • 13 setembro

    Precisamos falar sobre suicídio

    No último dia 10 de Setembro tivemos o dia mundial da prevenção do suicídio. Criada pela Associação Internacional de Prevenção do Suicídio, a campanha Setembro Amarelo tem por objetivo alertar a população e trazer o debate para a sociedade. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que a cada 40 segundos uma pessoa comete uma tentativa de suicídio. Milhares de …

  • 6 setembro

    Sistema eletrônico de sedação promete substituir anestesiologistas

    Os sedativos mais comumente utilizados por gastroenterologistas (midazolam e fentanil) podem resultar em sedação inadequada ou de recuperação lenta. O uso do propofol, sedativo de ação rápida e fugaz, embora mais efetivo exige a presença de um anestesiologista durante o procedimento, o que tende a aumentar os custos do mesmo. Pensando nestes casos, a empresa americana Ethicon desenvolveu um sistema de …

  • 1 setembro

    Você compraria os seus serviços?

    PEBmed Convida: Dr. Fernando Carbonieri Médico, Fundador e CEO do portal Academia Médica, também atua como preceptor da Semiologia Geral do Curso de Medicina da PUCPR Campus Londrina. Integrante da Comissão de Integração do Médico Jovem do Conselho Federal de Medicina do Paraná. Editor associado da Revista do Médico Residente. Hoje, lemos uma reflexão sobre como lidamos com a valorização do …

agosto, 2015

  • 27 agosto

    Consumo de álcool aumenta o risco para câncer

    O consumo excessivo de álcool é um dos grandes problemas no mundo. O Brasil está entre os 10 países Americanos que mais consomem álcool per capita por ano, , segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). A OMS estima que ocorram 3,3 milhões de morte por ano relacionadas ao consumo de álcool. Isto quer dizer que 6% das mortes do …

  • 23 agosto

    Dor torácica atípica na emergência: Estamos salvando vidas ou agregando risco?

    A expressão “dor torácica atípica” ou “de baixo risco para síndrome coronariana aguda” tem sido empregada por anos para designar os quadros de dor no peito que não se aproximam do quadro clássico das síndromes coronarianas. Sua importância no atendimento de emergência para definição de conduta é fundamental, tratando-se do grande divisor de águas em abordagem terapêutica, afinal, esta classificação, …

  • 20 agosto

    O tempo para o início do antibiótico na sepse faz diferença?

      O tratamento da Sepse é baseado em atendimento médico rápido, medidas protocolares direcionadas para resgate do paciente em estado inflamatório agudo desencadeado por uma infecção. As eficiência na escolha terapêutica e o tempo sempre foram considerados parâmetros fundamentais para um melhor desfecho destes pacientes. A associação entre o tempo para o início da antibiótico terapia e o desfecho clínico dos …

  • 16 agosto

    Uma nova esperança no tratamento do lúpus

    Pesquisas recentes revelam um novo alvo terapêutico para o tratamento do lúpus e, potencialmente, de outras doenças autoimunes. Novas estratégias terapêuticas foram recém reveladas pela equipe da Dra. Laurence Morel da Universidade da Flórida, que testou uma combinação de metformina e 2-deoxy-D-glicose em ratos com lúpus e apresentou reversão completa de suas manifestações. Vocês devem estar se perguntando o que …

  • 2 agosto

    A nova esperança para a Doença de Alzheimer

    No final do último mês os resultados finais do estudo EXPEDITION foram apresentados no Alzheimer’s Association International Conference (AAIC). A impressão que ficou no ar na conferência foi a  que finalmente estamos próximos de termos uma droga modificadora de doença no Alzheimer: O solanezumab. O estudo, de 52 semanas, apresentou resultados positivos nos sintomas e melhora na avaliação cognitiva de pacientes com …

julho, 2015

  • 30 julho

    Síndrome da Fadiga Crônica: Como diagnosticar e tratar

    Como anunciado na postagem do último domingo, “Um novo paradigma na Síndrome da Fadiga Crônica”, continuamos nossa revisão sobre o tema, complementando o assunto com a abordagem diagnóstica e terapêutica mais atual para a doença, que recebeu mudanças fundamentais dado seu novo paradigma de doença sistêmica. O “Institute of Medicine” propôs novos critérios diagnósticos para a Síndrome da Fadiga Crônica, …

  • 26 julho

    Um novo paradigma na Síndrome da Fadiga Crônica

    Fadiga é uma queixa muito comum no atendimento ambulatorial e altamente angustiante para o médico e o paciente, devido a grande dificuldade no diagnóstico e tratamento desta condição. Em 1994, Fukuda et al. publicou a definição de uma síndrome clínica cuja queixa central é a fadiga, e desde então a medicina passou a encarar a síndrome como entidade nosológica. Em …