Página Principal > Pediatria > 5 exames que devem ser evitados em crianças

5 exames que devem ser evitados em crianças

Como parte da campanha Choosing Wisely, a seção de Endocrinologia da American Academy of Pediatrics publicou uma lista com cinco exames que devem ser evitados em crianças. As recomendações são:

1) Evitar pedir exames hormonais (LH e FSH e estradiol ou testosterona) para crianças com pelos púbicos e/ou odor corporal, mas nenhum outro sinal de puberdade.

2) Evitar pedir exames de triagem em busca de uma doença crônica ou uma condição endócrina (incluindo hemograma, íons, função renal, glicemia e enzimas hepáticas, IGF-1, tireoide e anticorpos celíacos) para crianças saudáveis que estão crescendo em ou acima do percentil 3 para a altura, com uma taxa de crescimento normal e com ganho de peso apropriado.

Veja também: ‘Quais sinais clínicos de pneumonia são realmente válidos em crianças?’

3) Evitar pedir exames rotineiros para medir concentrações de vitamina D em crianças saudáveis, incluindo as com excesso de peso ou obesidade.

4) Evitar medir rotineiramente a função da tireoide e/ou níveis de insulina em crianças com obesidade.

5) Evitar solicitar ultrassonografias da tireoide rotineiramente em crianças com bócio simples ou tireoidite de Hashimoto.

E mais: ‘HAS em crianças e adolescentes: nova diretriz indica melhores práticas’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

 

Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.