Endocrinologia

ADA 2021: Covid-19, diabetes e impacto populacional após 18 meses

Tempo de leitura: 3 min.

No segundo dia do congresso da American Diabetes Association (ADA 2021), o epidemiologista do Imperial College London, Dr. Edward Gregg, fez uma brilhante revisão intitulada “Diabetes e Covid-19: impacto populacional após 18 meses”.

A apresentação teve início chamando a atenção para a grande variação de diversos aspectos epidemiológicos da Covid-19. Entre eles pode-se citar:

  • Variação de 10 vezes nas taxas de incidência dentro dos EUA em um ano: de 15 por 1.000 por mês durante o pico, a 1,5 por 1.000 por mês durante o nadir;
  • Variação de 100 vezes nas taxas de morte por Covid-19: de menos de 50 mortes em alguns países (Nova Zelândia, Vietnam, Tanzania), até 200.000 a 600.000 mortes em outros (EUA, Brasil, México);
  • Variação de 10 vezes nas taxas de letalidade por país;
  • Variação de 15 vezes no risco de hospitalização entre grupos de idade adulta.

Covid-19 e diabetes

Foi discutida ainda a relação entre diabetes e Covid-19, lembrando que, se por um lado as pessoas com diabetes têm pior evolução devido a várias condições associadas, por outro o SARS-CoV-2, devido ao seu tropismo pelas células β, pode causar diabetes de início recente ou colaborar com a hiperglicemia na admissão hospitalar, conforme ilustrado na imagem abaixo.

Fonte: COVID-19 in people with diabetes: understanding the reasons for worse outcomes. Apicella MD et al. The Lancet. 2020

Leia mais: Existe uma inter-relação entre diabetes e Covid-19?

Impactos da Covid-19

Também foi discutido de que forma a cascata de evolução da doença afeta não só a população de risco, ou a população afetada pela Covid-19, mas também a população geral.

Veja abaixo a representação esquemática apresentada pelo autor. A Covid-19 interfere de forma direta nos pacientes que sofrem a infecção, e de forma indireta nos serviços de saúde, estilo de vida/comportamento e saúde mental da população geral, assim como na economia, entre outros aspectos.

Fonte: ADA 81st Scientific Sessions (ADA 2021)

Impacto indireto nos fatores de risco e comportamento:

– Ingestão alimentar:

Registrou-se um aumento no consumo de frutas e vegetais e de refeições preparadas em casa, entretanto, também houve maior comer beliscador, número de refeições consumidas por dia, e ingesta calórica total. Houve um aumento de 40% no consumo de doces.

– Atividade física:

Houve um aumento nas atividades de lazer, mas aumentou o tempo sedentário.

– Peso corporal:

Aumento médio de 680 g/mês (baseado em autorrelatos do FitBit).

Conclusões

Em resumo, estudos epidemiológicos indicam, após 18 meses da pandemia Covid-19:

  1. Diabetes mellitus é um contribuidor central para evolução grave da Covid-19, e por outro lado, Covid-19 tem um efeito devastador na população com diabetes:
    – Responsável por 30-40% das pessoas hospitalizadas, gravemente enfermas e mortes.
    – Entre os casos hospitalizados com diabetes, cerca de 21 a 43% requereram cuidados intensivos.
    – 25% de letalidade
  2. Taxas de mortalidade geral foram 50% mais altas que tendências históricas, o dobro da população geral.
  3. Houve 20% de mortes acima do esperado
  4. Preditores chave de pior evolução incluem comorbidades como doença renal crônica, doença coronariana, insuficiência cardíaca, obesidade, descontrole crônico ou agudo de HbA1c.
  5. A maior parte dos dados epidemiológicos é baseado em informações de pacientes hospitalizados.
  6. Ainda há muito a ser esclarecido sobre os efeitos diretos e indiretos da pandemia, com todas as suas variáveis.

Estamos cobrindo o congresso da ADA 2021. Fiquem ligados no Portal PEBMED!

Mais do congresso:

Autora:

Compartilhar
Publicado por
Daniele Zaninelli

Posts recentes

Relembrando o que é o hipoparatireoidismo

O hipoparatireoidismo é uma condição relativamente rara, causada na maioria das vezes pelo dano cirúrgico…

2 horas atrás

Pandemia impactou no aumento de peso e controle da glicemia dos portadores de diabetes tipo 2

A pandemia de Covid-19 teve um impacto bastante negativo no aumento de peso e controle…

3 horas atrás

Anemia Falciforme: você pode ser um portador deste traço

A anemia falciforme atinge um grande número de brasileiros, dessa forma, os diretos do portador…

4 horas atrás

Escabiose: orientações para o sucesso do tratamento

É importante o paciente com escabiose seguir algumas orientações para tratar a dermatose. Saiba quais…

19 horas atrás

Outubro rosa: Câncer de vulva: update 2021

As neoplasias de vulva respondem apenas por 4% das neoplasias ginecológicas. Saiba mais.

19 horas atrás

Palpação convencional x ultrassom para procedimentos neuroaxiais

Procedimentos neuroaxiais, como punção lombar diagnóstica, são realizados através da palpação de pontos de referência…

20 horas atrás