Saúde Pública

Aleitamento materno e Covid-19: quais as orientações mais recentes?

Tempo de leitura: 2 min.

A Sociedade Brasileira de Pediatria publicou uma nota de alerta sobre o aleitamento materno em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), baseada em estudos publicados até o presente momento.

Aleitamento materno na Covid-19

Um estudo retrospectivo chinês, publicado no Lancet, analisou a presença de Covid-19 no líquido amniótico, sangue do cordão umbilical, leite materno e swab de orofaringe de recém-nascidos de nove mães com pneumonia por Covid-19. O vírus não foi encontrado em nenhuma das amostras analisadas, o que sugere que a transmissão vertical ou via leite materno é pouco provável.

O consenso chinês, entretanto, não descarta a possibilidade de transmissão vertical do Covid-19, e recomenda suspender a amamentação (inclusive em casos apenas suspeitos).

Revisões

As revisões do CDC (Centers for Disease Control and Prevention) e do RCOG (Royal College of Obstetricians and Gynaecologists) orientam que a mãe que deseja amamentar deve tomar cuidados especiais no momento da mamada: lavar as mãos antes e depois de tocar o bebê e usar máscara facial. O editor chefe da Breastfeeding Medicine acredita que os bebês de mães infectadas provavelmente já estejam colonizados e, através da amamentação, anticorpos maternos serão passados ao bebê e o protegerão.

Caso a mãe não se sinta segura em amamentar o bebê, o leite pode ser ordenhado manualmente ou com bombas extratoras. Em ambos os casos com higiene adequada, sendo em seguida oferecido ao lactente por um cuidador assintomático, através de colheres ou copos.

Leia mais: Assistência na sala de parto ao neonato de mãe com Covid-19 suspeita ou confirmada

Diante das evidências, até o presente momento, a Sociedade Brasileira de Pediatria é favorável à manutenção do aleitamento materno. Desde que a mãe se sinta confortável e tome os cuidados adequados. As publicações a respeito desse tema indicam que o benefício do aleitamento é superior ao risco de transmissão do novo coronavírus.

Autor(a):

Referências bibliográficas:

Compartilhar
Publicado por
Gabriela Guimarães Moreira Balbi

Posts recentes

Quais fatores no manejo de hemodiálise contínua podem alterar a sobrevivência de crianças graves com lesão renal aguda?

A lesão renal aguda ocorre em mais de um quarto das crianças em Unidade de…

12 minutos atrás

Relembrando o que é o hipoparatireoidismo

O hipoparatireoidismo é uma condição relativamente rara, causada na maioria das vezes pelo dano cirúrgico…

3 horas atrás

Pandemia impactou no aumento de peso e controle da glicemia dos portadores de diabetes tipo 2

A pandemia de Covid-19 teve um impacto bastante negativo no aumento de peso e controle…

4 horas atrás

Anemia Falciforme: você pode ser um portador deste traço

A anemia falciforme atinge um grande número de brasileiros, dessa forma, os diretos do portador…

5 horas atrás

Escabiose: orientações para o sucesso do tratamento

É importante o paciente com escabiose seguir algumas orientações para tratar a dermatose. Saiba quais…

20 horas atrás

Outubro rosa: Câncer de vulva: update 2021

As neoplasias de vulva respondem apenas por 4% das neoplasias ginecológicas. Saiba mais.

20 horas atrás