Coronavírus

Anvisa concede autorização para ampliação do prazo de validade da vacina da Janssen

Tempo de leitura: 2 min.

Nesta segunda-feira, 15, a Agência Brasileira de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou a ampliação do prazo de validade da vacina da Janssen contra Covid-19 de três para quatro meses e meio, sob condições de armazenamento de 2°C a 8°C. 

Leia também: Covid-19: Vacina da Pfizer é autorizada pela Anvisa para crianças com mais de 12 anos

A autorização

Segundo a Anvisa, a aprovação foi concedida após uma criteriosa avaliação dos dados de qualidade dos estudos que demonstraram que o imunizante da Janssen se mantém estável pelo período de até quatro meses e meio. Além disso, a agência regulamentadora norte-americana Food and Drug Administration (FDA), também aprovou a ampliação na última quinta-feira, dia 10 de junho. A decisão da FDA também foi levada em consideração pela Anvisa. 

Vacina da Janssen

O imunizante está autorizado para uso emergencial no Brasil desde 31 de março deste ano. Quando armazenada entre temperaturas de -25°C e -15°C, possui prazo de validade de 24 meses, a partir de sua data de fabricação. 

A vacina é aplicada em dose única, diferentemente das outras disponíveis no Brasil, que são administradas em duas doses. Entre elas estão as da Pfizer, a CoronaVac e a da Oxford/AstraZeneca.

Além disso, é composta por um vetor recombinante, não replicante, de adenovírus tipo 26 (Ad26), construído para codificar a proteína S (Spike) do SARS-CoV-2. Segundo os estudos apresentados para a Anvisa, o imunizante da Janssen apresentou 66,9% de eficácia para casos leves e moderados e 76,7% de eficácia para casos graves, após 14 dias da aplicação.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências bibliográficas:

 

Compartilhar
Publicado por
Luciano Lucas

Posts recentes

Orientações da nova diretriz de manejo da ascite e complicações na cirrose

Recomendações da diretriz da Associação Americana para Estudo das Doenças do Fígado (AASLD) sobre o…

9 horas atrás

Uso de amoxicilina para o tratamento de infecções torácicas em crianças apresenta poucos efeitos

Há poucas evidências sobre a eficácia dos antibióticos prescritos infecções não complicadas do trato respiratório…

1 dia atrás

Whitebook: sangramento vaginal

Essa semana em nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do Whitebook Clinical Decision vamos falar…

2 dias atrás

Atividade física e Covid-19: a importância da reavaliação médica no retorno aos treinos

Nesse primeiro vídeo sobre atividade física e covid-19, o cardiologista Mateus Freitas comenta sobre a…

2 dias atrás

Novas evidências: Laser fracionado de CO2 para tratamento de atrofia vaginal

O laser fracionado de CO2 ganha cada vez mais credibilidade no tratamento de patologias urogenitais.…

2 dias atrás

Manejo da dispneia na emergência com uso de ultrassonografia point-of-care (POCUS)

A ultrassonografia POCUS pode ser utilizada como ferramenta diagnóstica e como guia da evolução da…

2 dias atrás