Home / Clínica Médica / As manifestações orais podem nortear o diagnóstico de Covid-19? — Parte 2

As manifestações orais podem nortear o diagnóstico de Covid-19? — Parte 2

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

Na primeira parte deste artigo, vimos que a existência de ocorrência de manifestações orais no Covid-19 parece ser subnotificada, principalmente devido à falta de exame bucal de pacientes com suspeita e/ou confirmação diagnóstica. Daremos continuidade agora no assunto com os demais tipos de lesão encontradas.

Leia também: Top 10 janeiro: confira os artigos imperdíveis

As manifestações orais podem nortear o diagnóstico de Covid-19?

Tipos de lesões orais já descritos em pacientes com Covid-19:

Placas brancas e vermelhas

As manchas ou placas brancas e vermelhas são relatadas no dorso da língua, gengiva e palato de pacientes com Covid-19. A candidíase devido à terapia antibiótica de longo prazo, deterioração do estado geral e declínio na higiene oral, podem ser a causa de manchas ou placas brancas e/ou vermelhas (Fig.5).

Manifestações orais de Covid-19
Figura 5. Placa brancacenta no dorso da língua, associada a várias pequenas úlceras amareladas.  Nódulo localizado em lábio inferior, medindo aproximadamente 1 cm em seu maior diâmetro, sugerindo lesão reativa (fibroma). Reprodução DOI: https://doi.org/10.1016/j.ijid.2020.06.012

Lesões semelhantes a eritema multiforme

As lesões semelhantes a Eritema Multiforme (EM) aparecem como bolhas, gengivite descamativa, máculas eritematosas, erosões e queilite dolorosa com crosta hemorrágica em pacientes com lesões cutâneas alvo nas extremidades. As lesões aparecem entre 7 e 24 dias após o início dos sintomas sistêmicos e se recuperaram após 2 a 4 semanas.

Saiba mais: O que sabemos sobre a progressão da miopia em crianças durante a pandemia?

Lesões semelhantes a angina hemorrágica bolhosa

As lesões semelhantes a angina hemorrágica bolhosa macroscopicamente se apresentam como bolhas arroxeadas assintomáticas sem sangramento espontâneo, na língua ou palato duro (Fig. 6).

Manifestações orais de Covid-19
Figura 6. Bolha eritematosa no palato duro: angina bolhosa hemorrágica. Reprodução DOI: https://doi.org/10.1111/scd.12520

Doença semelhante a Kawasaki

Lesões orais incluindo queilite, glossite e língua eritematosa e inchada (língua vermelha em framboesa) apareceram em pacientes com Covid-19 com doença semelhante a Kawasaki (Kawa-Covid). A longa duração da latência entre o aparecimento dos sintomas sistêmicos (respiratórios ou gastrointestinais) e o início dos sintomas orais ou cutâneos pode ser devido a uma resposta de hiperativação retardada do sistema imunológico e liberação secundária de citocinas inflamatórias agudas, em vez de efeitos diretos do vírus na pele e mucosa oral (Fig.7).

Manifestações orais de Covid-19
Figura 7. Queilite comissural. Reprodução DOI: https://doi.org/10.1111/odi.13555

Lesões herpetiformes ou zosteriformes

As lesões herpetiformes e zosteriformes se manifestam como úlceras múltiplas, dolorosas, unilaterais, arredondadas, cinza-amareladas, com borda eritematosa nas mucosas queratinizada e não queratinizada.  Estresse e imunossupressão associados ao Covid‐19 foram a causa sugerida para o aparecimento de gengivoestomatite herpética secundária.

Petéquias

As petéquias em geral são encontradas no lábio inferior, palato e mucosa da orofaringe.  A trombocitopenia por infecção por Covid‐19 ou medicamentos prescritos foram sugeridas como possíveis causas de petéquias.

Lesões inespecíficas (mucosite)

Máculas eritematoso-violáceas, manchas, pápulas e placas na língua, mucosa labial, palato duro e orofaringe foram relatados em vários estudos. Vasculopatia trombótica, vasculite, hipersensibilidade podem ser as causas de mucosite em pacientes com Covid‐19 (Fig. 8).

Lesão difusa e avermelhada no palato duro
Figura 8. Lesão difusa e avermelhada no palato duro. Reprodução DOI: https://dx.doi.org/doi:10.4317/medoral.24044

Pigmentação pós-inflamatória

A pigmentação na gengiva inserida e interpapilar também são achados que podem estar relacionados a manifestações orais do Covid-19. Níveis aumentados de citocinas inflamatórias, incluindo interleucina‐1, fator de necrose tumoral ‐α e metabólitos do ácido araquidônico (prostaglandinas), secundários à produção de fator de células-tronco e fator de crescimento básico de fibroblastos de queratinócitos da camada basal, podem levar a pigmentações pós-inflamatórias.

Conclusão

Pacientes com Covid-19 podem apresentar lesões orais que norteariam os médicos a identificar casos suspeitos.  No entanto, estas manifestações são morfologicamente diversas e presentes em muitos outros processos patológicos, requerendo um diagnóstico diferencial cuidadoso. Outro problema é que por se tratar de uma doença nova, as manifestações bucais podem ser desconhecidas e, portanto, subnotificadas. Desta forma, um exame oral completo deve ser realizado rotineiramente em todos os casos suspeitos. Estudos adicionais empregando grandes coortes de pacientes com Covid-19 são altamente recomendados para estabelecer melhor evidência científica sobre o assunto.

Autor(a):

Em conjunto com: Elias Felipe Romanos da Matta¹.

¹ Especialista em Clínica Médica pelo Hospital Felício Rocho. Especializando em Gastroenterologia e Nutrologia no Hospital Vera Cruz.

Referências bibliográficas

  • Halboub, Esam, Al-Maweri, Sadeq Ali, Alanazi, Rawan Hejji, Qaid, Nashwan Mohammed, & Abdulrab, Saleem. (2020). Orofacial manifestations of Covid-19: a brief review of the published literature. Brazilian Oral Research, 34, e124. Epub October 30, 2020. doi: 10.1590/1807-3107bor-2020.vol34.0124
  • Iranmanesh, B, Khalili, M, Amiri, R, Zartab, H, Aflatoonian.(2020). M. Oral manifestations of Covid‐19 disease: A review article. Dermatologic Therapy. e14578. doi: 10.1111/dth.14578
  • Anne-Gaëlle Chaux-Bodard, Sophie Deneuve and Aline Desoutter. (2020).Oral manifestation of Covid-19 as an inaugural symptom? J Oral Med Oral Surg, 26 2 18. doi: 10.1051/mbcb/2020011
  • Amorim Dos Santos J, Normando A., Carvalho da Silva RL, De Paula RM, Cembranel AC, Santos-Silva, A. R., & Guerra, E. (2020). Oral mucosal lesions in a Covid-19 patient: New signs or secondary manifestations?. International journal of infectious diseases : IJID : official publication of the International Society for Infectious Diseases, 97, 326–328. doi:  10.1016/j.ijid.2020.06.012
  • Soares CD, Carvalho RA, Carvalho KA, Carvalho MG, & Almeida OP (2020). Carta ao Editor: Lesões orais em um paciente com Covid-19. Medicina oral, patologia oral y cirugia bucal, 25 (4), e563 – e564. doi: 10.4317/medoral.24044
  • Cruz Tapia, R. O., Peraza Labrador, A. J., Guimaraes, D. M., & Matos Valdez, L. H. Oral mucosal lesions in patients with SARS-CoV-2 infection. Report of four cases. Are they a true sign of Covid-19 disease?. Special care in dentistry : official publication of the American Association of Hospital Dentists, the Academy of Dentistry for the Handicapped, and the American Society for Geriatric Dentistry. 2020;40(6):555–560. doi: 10.1111/scd.12520
  • Díaz Rodríguez M, Jimenez Romera A, Villarroel M. Manifestações orais associadas com Covid-19. Doenças orais. 2020 Jul. doi: 10.1111/odi.13555

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.