Eduardo Cal Ferrari

Graduação em medicina pela Universidade do Oeste Paulista ⦁ Residência médica em Clínica Médica pela UFMS ⦁ Residência médica em Cardiologia pela UFMS ⦁ Arritmia Clínica pelo IMC de São José do Rio Preto/SP.

O que é taquicardia ventricular polimórfica catecolaminérgica?

O diagnóstico da taquicardia ventricular polimórfica catecolaminérgica é realizado pelo eletrocardiograma de esforço, pois o ECG basal geralmente é normal. Saiba mais:

Síndrome do QT longo congênito: o que devemos saber? – parte 2

A síndrome do QT longo pode ser congênita ou adquirida, sendo que as congênitas estão relacionadas a mutações nos canais iônicos e/ou proteínas associadas. Saiba mais:

Síndrome do QT curto: o que você deve saber?

A síndrome do QT curto é uma canalopatia rara, com uma prevalência menor do que 1 em 10 mil pacientes. São poucas famílias no mundo todo com essa patologia. Saiba mais:

Como manejar arritmias cardíacas em pacientes assintomáticos?

Em fevereiro, a European Society of Cardiology (ESC) liberou uma revisão sobre o manejo das arritmias cardíacas em pacientes assintomáticos.

Fibrilação atrial recente: realizar cardioversão precoce ou tardia?

O estudo RACE 7 avaliou se a cardioversão precoce é superior à cardioversão tardia no atendimento a pacientes com fibrilação atrial recente. Confira as conclusões:

Qual é a relação entre morte súbita cardíaca e canalopatias – parte 1

A Síndrome de Brugada era usada para definir o bloqueio de ramo direito com a elevação persistente do segmento ST, causando a morte súbita.

Terapia de ressincronização cardíaca na insuficiência cardíaca

Além das medicações que melhoram a sobrevida do paciente e sintomas da insuficiência cardíaca, será que poderemos fazer algo além disso? Descubra:

Mulher jovem, sem comorbidades, com quadro de palpitações: o que fazer?

Não é raro nos serviços de pronto atendimento de urgência e emergência nos depararmos com um paciente com taquicardia. Veja como proceder.

Entrar | Cadastrar