Juliana Festa

Graduação em Biomédica pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, com aperfeiçoamento em Oncologia no Instituto Nacional de Câncer - INCA, pós-graduação em Tecnologia Industrial Farmacêutica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ e mestrado pelo Programa de Farmacologia e Química Medicinal do Instituto de Ciências Biomédicas da UFRJ. Atualmente, faz parte do Programa de Doutorado em Ciência Médicas da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e atua como Analista de Projetos Sênior de uma consultoria em saúde.

Consumo elevado de açúcar aumenta o risco de transtornos mentais

Artigo analisou o consumo de açúcar de alimentos e bebidas doces e a ocorrência de transtornos mentais comuns em mais de 5.000 homens e mais de 2.000 mulheres.

Tuberculose latente: qual opção de tratamento é mais eficaz?

Uma atualização de uma metanálise em rede, publicada no início de agosto de 2017, confirmou a eficácia de vários regimes terapêuticos.

Exercícios melhoram função em pessoas com osteoartrite da mão?

Uma revisão publicada recentemente pela Cochrane Database of Systematic Reviews avaliou os benefícios e os prejuízos do exercício em indivíduos com osteoartrite da mão.

Pacientes com câncer apresentam um risco de tromboembolismo arterial aumentado

Estudo avaliou se o diagnóstico de câncer está associado com um aumento do risco de tromboembolismo arterial em curto prazo e se este risco é maior em pacientes com doença em estágio avançado.

Cuidado paliativo melhora a qualidade de vida em pacientes com IC avançada

O estudo Palliative Care in Heart Failure (PAL-HF) publicado no Journal of the American College of Cardiology teve como objetivo investigar se os cuidados paliativos interdisciplinares.

Doença inflamatória intestinal aumenta o risco de eventos arteriais agudos

As doenças inflamatórias do intestino são doenças crônicas, de etiologia desconhecida, mas capazes de desenvolver uma reação inflamatória na mucosa digestiva de natureza imunológica.

Terapia de reposição enzimática para síndrome de hunter é eficaz?

Uma revisão sistemática da literatura publicada na Cochrane foi realizada com o objetivo de avaliar a eficácia e segurança dessa terapia no tratamento de pacientes com MPS II.

Rituximabe é eficaz na doença pulmonar reumatoide?

Um estudo avaliou o efeito do rituximabe em pacientes com doença pulmonar intersticial relacionada à AR. Além disso, fatores associados ao resultado após o tratamento foram identificados.

Esquizofrenia: antipsicótico injetável versus oral

A esquizofrenia é um distúrbio mental caracterizado por comportamento social fora do normal e pela perda do contato com a realidade.

Cirurgia bariátrica garante melhora ou prevenção da retinopatia diabética?

Estudo foi realizado para avaliar alterações na retinopatia diabética em pacientes com diabetes tipo 2 após a cirurgia bariátrica e relatar os fatores de risco que podem estar associados.