AVCI: qual é a relação entre infecção e readmissão hospitalar?

Um estudo recente avaliou o impacto de infecções ocorridas durante a internação por AVCI na frequência de readmissões em 30 dias. Confira os resultados.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Em novembro de 2018 a revista Stroke publicou um estudo norte-americano centrado na discussão sobre a importância de complicações infecciosas nos pacientes com acidente vascular cerebral isquêmico (AVCI)1. Especificamente, os pesquisadores avaliaram o impacto de infecções ocorridas durante a internação por AVCI na frequência de readmissões em 30 dias, considerada uma importante indicação sobre a qualidade do cuidado, inclusive em nosso país2.

Nesse contexto, foram analisados dados do National Readmission Database desde 2013 e selecionados pacientes maiores de 18 anos com internação hospitalar em que o diagnóstico de AVCI figurava entre suas causas. Pacientes falecidos durante a internação por AVCI foram excluídos.

Leia mais: AVEi agudo: qual é a melhor medicação para revascularização inicial?

A análise estatística utilizou os testes X2 e t para características demográficas categóricas e contínuas respectivamente, e modelos de regressão logísticas para determinar o odds ratio e o intervalo de confiança de 95%.

Foram avaliados dois grupos: o primeiro com 319.317 admissões nas quais o AVCI constava como causa principal (aqui referido como AVCI principal) e o segundo com 371.587 admissões nas quais o AVCI era listado em qualquer posição entre as 12 causas relacionadas à internação (sendo aqui referido como AVC geral).

Os principais resultados observados foram os seguintes:

  • Taxa de readmissão: 12,1% entre aqueles do grupo AVCI principal e 12,9% no grupo AVCI geral;
  • Frequência de infecção durante a internação: 29% no grupo AVCI principal e 32% no grupo com AVCI geral;
  • Infecção e readmissão em 30 dias: nos dois grupos, a ocorrência de infecção durante a internação aumentou a chance de readmissão em 30 dias. Quando consideradas infecções específicas, tal relação mostrou-se consistente para infecção do trato urinário nos pacientes com AVCI principal e para pneumonia e infecção urinária no grupo AVCI geral;
  • Admissões não planejadas em 30 dias: no grupo AVCI principal foi observada associação de internações não programadas com infecção do trato urinário;
  • Reinternação em sete e 60 dias: nos dois grupos a ocorrência de infecção durante a internação também se relacionou à readmissão até sete e 60 dias após a alta hospitalar;
  • Causas de readmissão em 30 dias: infecção foi segunda causa de reinternação em 30 dias (15,2%). Dentre os pacientes do grupo AVCI principal e que foram readmitidos em 30 dias, 30% apresentavam infecção.

Para além dos resultados apresentados, destaco ainda dois outros aspectos. O primeiro, a perspectiva de que as medidas responsáveis pela prevenção de pneumonia por broncoaspiração nesses pacientes devem ser expandidas e adaptadas para outras infecções, especialmente aquelas do trato urinário. E o segundo, a imunossupressão relacionada ao AVCI. Com papel complexo no período pós AVCI o assunto será o tema da próxima coluna.

Por fim, apesar das limitações discutidas pelos autores, o estudo tem o mérito de destacar a importância das infecções intra-hospitalares nos pacientes com AVCI. De observação frequente na prática clínica, ao mesmo tempo em que tais complicações são facilitadas pelo próprio AVCI, também são contribuintes significativos de seu agravamento.

É médico e também quer ser colunista do Portal da PEBMED? Inscreva-se aqui!

Referências:

  1. BOEHME, Amelia K. et al. Infections Increase the Risk of 30-Day Readmissions Among Stroke Survivors: Analysis of the National Readmission Database. Stroke, 2018. Disponível em: < https://www.ahajournals.org/doi/pdf/10.1161/STROKEAHA.118.022837> . Acessado em 13 de novembro de 2018.
  2. Agência Nacional de Saúde Suplementar. Disponível em: http://www.ans.gov.br/aans/noticias-ans/qualidade-da-saude/3167-fator-de-qualidade-dados-de-readmissao-hospitalar-devem-ser-informados-a-ans. Acessado em 14 de novembro de 2018.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe o Whitebook Tenha o melhor suporte
na sua tomada de decisão.

Especialidades