Baricitinibe: uma terapia promissora para a alopecia areata

A alopecia areata é uma doença autoimune que induz a perda de pelos corporais. Estudos recentes mostram o benefício do baricitinibe.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A alopecia areata (AA) é uma doença autoimune crônica e recidivante, caracterizada pela perda de cabelo não cicatricial. Pode acometer o couro cabeludo, barba, sobrancelhas, cílios e demais pelos do corpo. A doença afeta indivíduos de ambos os sexos, todas as idades e diferentes etnias.

A apresentação clínica é muito variável, desde placas únicas, múltiplas, acometimento de todo o couro cabeludo (areata total) ou de todo o cabelo e pelos corporais (areata universal). Esses pacientes apresentam maior risco de doenças autoimunes como lúpus eritematoso sistêmico, vitiligo e tireoidopatias.

Leia também: Alopecia areata: revisão e atualização

O tratamento dos casos leves e localizados consiste na corticoterapia tópica e intralesional associada ao minoxidil. Em casos extensos, pode-se utilizar difenciprona tópica, corticoterapia oral e imunossupressores como o metotrexato, ciclosporina e azatioprina.

Nos casos refratários, ainda não existe tratamento curativo que mude seu curso a longo prazo. No entanto, vários fármacos que atuam nas várias vias implicadas na patogênese da AA têm se mostrado promissores. A fisiopatologia da doença não está completamente esclarecida, mas é sabido que o folículo piloso recebe um ataque autoimune de células T CD8+ ná área do bulbo capilar, gerando uma peribulbite.

Diversas citocinas dependentes da sinalização da Janus quinase foram relacionadas à AA, como as interleucinas (IL)-2, IL-7, IL-15, IL-21. Esse fato torna os inibidores da Janus opções de tratamento apoiadas por ensaios clínicos.

Podendo atingir cerca de 1,7% da população, a alopecia areata é uma alteração crônica que atinge os folículos pilosos e unhas.

Possível alternativa

O baricitinibe é um medicamento oral que inibe de modo seletivo e reversível as Janus quinases 1 e 2, o que pode interromper a sinalização de citocinas implicadas na alopecia areata. Estudos recentes de fase 2 e 3 envolvendo pacientes com quadros graves demonstaram que a medicação na dose de 2 ou 4 mg foi superior ao placebo em relação ao crescimento do cabelo na semana 36. 

O medicamento foi considerado seguro e bem tolerado, mas alguns efeitos colaterais descritos foram acne, aumento da creatina quinase e aumento de lipoproteína de baixa e alta densidade. Mais estudos são necessários para determinar sua eficácia e segurança a longo prazo, mas talvez em um futuro próximo os inibidores de JAK possam ser adicionados ao arsenal terapêutico.

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades

# King B. Efficacy and safety of the oral Janus Kinase inhibitor baricitinib in the treatment of adults with alopecia areata: Phase 2 results from a randomized controlled study. J Am Acad Dermatol. 2021 Oct;85(4):847-853.   # King B. Two Phase 3 Trials of Baricitinib for Alopecia Areata. N Engl J Med. 2022 May 5;386(18):1687-1699.   # Zheng C, Tosti A. Alopecia Areata: new treatment options including janus kinase inhibitor. Dermatol Clin. 2021 Jul;39(3):407-415.