Leia mais:
Leia mais:
Preservação da fertilidade em mulheres submetidas a tratamentos oncológicos
Câncer de mama: saiba detalhes com o especialista [podcast]
Exigência de atestado dificulta vacinação de pacientes oncológicos contra a Covid-19
Câncer de mama supera o pulmão como o tumor mais diagnosticado no mundo
Oncologistas ainda podem participar de estudo sobre cuidados contra o câncer na pandemia

Câncer de mama masculino: 5 sinais que podem detectar a doença

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

O Brasil vai somar cerca de 60 mil novos casos de câncer de mama até o final de 2019, número que corresponde a 25% de todos os diagnósticos da condição registrada no país, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA). Apesar do Outubro Rosa ser o mês de conscientização sobre a questão voltada para as mulheres, é muito importante lembrar que um dos grandes mitos da medicina é que o câncer de mama não afeta o sexo masculino.

Das 16.927 pessoas que vieram a óbito em decorrência da doença no Brasil no ano passado, 203 eram homens. Apesar de raro, estimativas nacionais indicam que 1% dos casos de câncer de mama afeta os homens brasileiros.
“Apesar da baixa incidência, esse tipo de câncer apresenta um alto percentual de mortalidade. A cada 100 casos, 1 ocorre no sexo masculino. Nos Estados Unidos, por exemplo, foram registrados 1.910 casos e, na maioria das vezes, o diagnóstico é feito tardiamente com a falta de adesão por parte deles na realização anual da mamografia”, alerta o oncologista Daniel Gimenes, do Centro Paulista de Oncologia (CPO), da Oncoclínicas.

O especialista ressalta ainda que além da falta de informação, há um preconceito em relação a este tipo de incidência. “Apesar de não encararmos dados alarmantes no quesito, é importante que os médicos alertem a população em geral sobre os riscos. O diagnóstico precoce é fundamental para as chances de recuperação dos pacientes”, ressalta Daniel Gimenes.

paciente com cancer de mama masculino no consultório medico

Câncer de mama masculino

Nos homens, o diagnóstico da mamografia costuma sair mais rapidamente pelo reduzido tamanho de tecido mamário, facilitando a visualização de um nódulo pelos profissionais especializados.

Em muitos casos, a presença do câncer de mama masculino é um indício sugestivo de que o paciente possa ser portador de uma mutação genética hereditária no gene BRCA, sendo recomendada por especialistas a realização do teste molecular, mesmo que não haja histórico na família.

5 fatores importantes para detectar o câncer de mama masculino

1) Genética: se existir um caso de alguma mulher com câncer de mama na família, as chances do homem desenvolver são um pouco mais elevadas, mas se for relacionado à mutação do BRCA, os riscos aumentam significantemente.

“Por essa razão é recomendável fazer uma pesquisa de mutação para saber se esse homem terá chances de desenvolver a doença. Ademais, existe ainda uma síndrome genética associada ao alto nível de estrogênio, que aumenta o índice de casos de câncer de mama no sexo masculino, principalmente quando já existe a mutação do gene BRCA”, ressalta Daniel Gimenes.

2) Hormônios: o principal motivo pelo qual as mulheres apresentam mais comumente a doença é a alta presença de estrógeno. Os corpos masculinos, normalmente, não produzem muito desses hormônios estimulantes da mama. Como resultado, os seus tecidos mamários permanecem planos e pequenos. Ainda assim, é possível ver meninos e homens com seios médios ou grandes. Geralmente, esses seios são apenas montes de gordura. Mas, às vezes, os homens podem desenvolver tecido real das glândulas mamárias porque tomam certos medicamentos ou apresentam níveis hormonais anormais.

3) “Caroço” (nodulção) no tórax: “Como os homens não têm o costume de realizar exames mamários, é necessário que os médicos se atentem a alguns sintomas suspeitos, como um caroço na área do tórax, que pode ser acompanhado de adenomegalia axilar”, explica o oncologista.

4) Retração na pele: em situações mais graves do câncer de mama masculino é possível também ocorrer uma retração do mamilo, acompanhada ou não de sangue na região. Quando estes sinais são detectados, é imprescindível que o médico aja imediatamente.

5) Cirrose/alcoolismo/obesidade: pacientes com distúrbios do fígado são mais propensos a desenvolver câncer de mama. E, quanto mais velho, maior a possibilidade do surgimento da doença.

“Na maioria das vezes, o homem somente procura ajuda médica quando a neoplasia já está avançada, dificultando o tratamento. Quando mais cedo o câncer é diagnosticado, maiores são as chances de cura. Por isso, uma vez que a mamografia masculina não é recomendada como um exame de rotina, os homens que estão na área de risco de desenvolver um câncer de mama precisam ser ensinados e estimulados a realizarem o autoexame”, esclarece o oncologista Daniel Gimenes.

LEIA TAMBÉM: Vacinas e câncer de mama e ovário – o que precisamos saber

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED.

Autora:

Referências bibliográficas:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

2 comentários

  1. Sebastiao jeovah Tavares

    Muito interessante o artigo sobre a câncer de mama masculino; Creio que nenhum dos homens se tocaram ainda;

  2. Mario Fernando Bonin

    Como é um câncer com percentual pequeno,devemos ter sempre em mente ao exame fisico,para nao fazer diagnóstico tardio,principalmente em obesos e com cancer de mama em familia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar