Caso clínico: paciente 17 anos, cefaleia e fotofobia

P.L.S.P., 17 anos, sexo feminino, estudante, residente e natural de Manaus – AM, sem comorbidades conhecidas, acompanhada da mãe.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

P.L.S.P., 17 anos, sexo feminino, estudante, residente e natural de Manaus – AM, sem comorbidades conhecidas, acompanhada da mãe. Procurou serviço de emergência do hospital local, com relato de cefaleia intensa, em região frontal, associada a fotofobia, iniciada há quatro dias, predominantemente no período diurno, evoluindo hoje com dificuldade de deambulação.

No momento, com quadro de paresia e parestesia em membros inferiores, dor em região cervical, febre alta, náuseas e vômitos. Quanto aos antecedentes recentes, a mãe refere que a paciente vem apresentando perda ponderal e quadro gripal há um mês, sem a realização de pesquisa de Covid-19. Realizou isolamento em domicílio por 14 dias, com uso de sintomáticos.

Cita também que a paciente costuma fazer dietas sem orientação nutricional por profissionais. Desconhece o histórico vacinal da paciente. Nega histórico de cirurgias ou doenças comuns da infância. Reside com os pais e uma irmã mais nova, em casa sem condições sanitárias adequadas. A paciente refere ter um namorado, com relações sexuais desprotegidas. Faz uso regular de contraceptivo oral desde os doze anos de idade, sem uso de outras medicações.

Ao exame físico, a paciente se encontra sonolenta, desorientada no tempo e espaço, febril (T. axilar 39,2 0C), anictérica, acianótica, hipocorada (2+/4+), desidratada. Sinais vitais: pressão arterial 100 x 50 mmHg, FC 102 bpm, FR 22 irpm, aparelhos cardiovascular e respiratório sem alterações dignas de nota, exceto por tosse seca notada durante exame. Abdome plano, timpânico, sem massas ou visceromegalias. Presença de rigidez de nuca, com sinal de Kernig positivo. A paciente foi diretamente encaminhada para a sala de emergência, com realização de exames laboratoriais, sorologias, pesquisa de SARS-CoV-2, exames radiológicos, hemoculturas e punção lombar.

Paciente de 17 anos, cefaleia intensa.

Quiz

Quiz PEBMED

Veja outros casos clínicos:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão