CBMI 2023: o paciente oncológico na UTI

Durante o Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva (CBMI), uma palestra abordou os principais aspectos do paciente oncológico na UTI.

O doutor Paulo Nassar proferiu uma palestra durante o Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva (CBMI), abordando os principais aspectos do paciente oncológico na UTI. 

A admissão de pacientes oncológicos nas unidades de terapia intensiva (UTI) torna-se cada vez mais comum. No entanto, é comum associarmos essa admissão a uma maior taxa de mortalidade, muitas vezes questionando a necessidade real de internação, dada a baixa expectativa de sobrevida (1). 

Estudos recentes mostram uma diminuição na mortalidade nas últimas duas décadas neste subgrupo de pacientes, aproximando-se das taxas observadas em pacientes críticos em geral, com exceção dos pacientes submetidos a transplante de medula óssea, que ainda apresentam mortalidade elevada (2). 

Alguns fatores estão associados a um pior prognóstico em um ano desses pacientes e devem ser avaliados na admissão (3). 

Fatores de mau prognóstico na internação do paciente oncológico 
Escala de performance de ECOG ≥2 
Câncer localmente avançado ou metastático 
Diagnóstico de câncer recente 
Paciente em cuidados paliativos, com limitação a medidas invasivas 

Conclusões

  • Paciente oncológicos são cada vez mais comuns na UTI; 
  • Mortalidade desse subgrupo de pacientes vem reduzindo nas duas últimas décadas, se assemelhando do paciente crítico em geral;
  • Fatores prognósticos devem ser avaliados na admissão do paciente na UTI. 

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe o Whitebook Tenha o melhor suporte
na sua tomada de decisão.
Referências bibliográficas: Ícone de seta para baixo
  • Garrouste-Orgeas M, Montuclard L, et al.Predictors of intensive care unit refusal in French intensive care units: a multiple-center study. Crit Care Med. 2005 Apr;33(4):750-5.
  • Darmon M, Bourmaud A, et al.Changes in critically ill cancer patients' short-term outcome over the last decades: results of systematic review with meta-analysis on individual data. Intensive Care Med. 2019 Jul;45(7):977-987.
  • A, Chermak A, Valade S, et al. One-year survival in patients with solid tumours discharged alive from the intensive care unit after unplanned admission: A retrospective study. J Crit Care. 2020 Jun;57:36-41.