Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Clínica Médica / Ceftriaxona para pneumonia comunitária hospitalar: que dose utilizar?
enfermeiro regulando soro com ceftriaxona para pneumonia comunitária hospitalar

Ceftriaxona para pneumonia comunitária hospitalar: que dose utilizar?

Esse conteúdo é exclusivo para
usuários do Portal PEBMED.

Tenha acesso ilimitado a todos os artigos, quizzes e casos clínicos do Portal PEBMED.

Faça seu login ou inscreva-se gratuitamente!

Ceftriaxona é uma cefalosporina de terceira geração, pertencendo ao grupo dos betalactâmicos. De fácil posologia e com um espectro de ação adequado na maioria dos cenários, é um dos antibióticos de primeira escolha para pneumonias comunitárias em que há necessidade de tratamento intra-hospitalar.

Os estudos que analisam sua eficácia apresentam posologias variadas, com doses que variam de 1 a 4 g, em dose única ou divididas em 12/12h. Uma revisão sistemática com meta-análise realizada por um grupo brasileiro avaliou diferentes esquemas de uso de ceftriaxona para pneumonias comunitárias, procurando comparar sua eficácia.

Ceftriaxona na pneumonia comunitária

Foram incluídos ensaios clínicos randomizados que comparavam diferentes esquemas terapêuticos para pneumonia comunitária, sendo pelo menos um desses esquemas com ceftriaxona. Importante notar que estudos com pacientes críticos foram excluídos.

A análise final contou com 24 artigos, sendo que seis avaliaram o uso de ceftriaxona na dose de 2 g, 1x/dia, seis na dose de 1 g de 12/12h, e 12, na dose de 1 g, 1x/dia. A duração de tratamento variou de uma a três semanas. Os desfechos clínicos foram semelhantes entre os diversos esquemas posológicos de ceftriaxona e seus comparadores na maioria dos estudos. Doses mais elevadas não resultaram em melhores desfechos nos estudos em que foram utilizadas.

Leia também: Pneumonia comunitária em pacientes imunocomprometidos

Resultados

A maior parte dos estudos que avaliaram cura clínica – definida como resolução total de todos os sinais e sintomas ou melhora expressiva que resultasse na interrupção do tratamento antibiótico – não mostrou diferença estatística entre as diversas posologias de ceftriaxona e seus comparadores. Somente três ensaios clínicos mostraram resultados favorecendo o uso de ceftarolina, sendo que tanto as doses totais de 1 g/dia e 2 g/dia de ceftriaxona foram representadas nesses estudos. Em relação à cura microbiológica, não houve diferença estatística entre os esquemas antibióticos avaliados nos diversos estudos, independente da dose de ceftriaxona utilizada.

Nos estudos que apresentavam a etiologia da pneumonia, não houve diferença entre as diferentes posologias de ceftriaxona e os comparadores para Streptococcus pneumoniae e Haemophilus influenza. Nos casos de pneumonia por Staphylococcus aureus, ceftriaxona 1 g/dia mostrou-se inferior aos seus comparadores, entre eles, ceftarolina. Entretanto, ceftriaxona não é recomendado para o tratamento de pneumonias por esse agente.

Uma limitação importante do estudo é a ausência de ensaios clínicos comparando diretamente as diferentes posologias de ceftriaxona e, portanto, não se pode fornecer evidências definitivas em relação a superioridade ou não-inferioridade de um esquema em relação a outro. Contudo, os resultados da meta-análise mostram que a posologia de 1 g/dia apresenta desfechos semelhantes a outros esquemas antibióticos no tratamento de pneumonia comunitária.

Quer receber as principais novidades em Medicina? Inscreva-se aqui!

Mensagens práticas

  • Estudos com a posologia de 1 g/dia de ceftriaxona para tratamento de pneumonia comunitária em pacientes não críticos têm desfechos semelhantes aos comparadores;
  • O uso de ceftriaxona 1x/dia é eficaz e recomendado, exceto em casos de meningite em que a posologia deve ser de 2 g, 12/12h.

Autor:

Referência bibliográfica:

  • João Paulo Telles, Juliette Cieslinski, Juliano Gasparetto & Felipe Francisco Tuon (2019) Efficacy of Ceftriaxone 1 g daily Versus 2 g daily for The Treatment of CommunityAcquired Pneumonia: A Systematic Review with Meta-Analysis, Expert Review of Anti-infective Therapy, 17:7, 501-510, DOI: 10.1080/14787210.2019.1627872

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.