O que é CID e como utilizar a classificação internacional de doenças? - PEBMED

O que é CID e como utilizar a classificação internacional de doenças?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

A Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde, mais conhecida como CID, é um das principais ferramentas epidemiológica do cotidiano médico. A principal função do CID é monitorar a incidência e prevalência de doenças, através de uma padronização universal. Leia nesse artigo as principais perguntas e respostas sobre a CID.

CONSULTE AQUI O CID!

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

O que é CID?

A Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde é um das principais ferramentas epidemiológica do cotidiano médico. Desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), tem como principal função monitorar a incidência e prevalência de doenças, através de uma padronização universal das doenças, problemas de saúde pública, sinais e sintomas, queixas, causas externas para ferimentos e circunstâncias sociais, apresentando um panorama amplo da situação em saúde dos países e suas populações.

Como utilizar o CID?

A CID é utilizado por médicos, outros profissionais de saúde, pesquisadores e gestores em saúde, empresas, seguros de saúde e organizações de pacientes, para classificar doenças e problemas em saúde nos registros em saúde em todo o mundo. Através dessa padronização universal, é possível monitorar a incidência e prevalência de doenças e ter um panorama da situação em saúde global.

Esta ferramenta está traduzida em 43 diferentes línguas e presente em mais de 115 países. A versão atual é CID-10 lançado na 43ª Assembleia Mundial da Saúde, realizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em maio de 1990. Uma nova versão, CID-11, está em revisão com implementação prevista para 2022.

CID

Devo colocar a CID no atestado médico?

O diagnóstico e seu respectivo código só devem ser colocados no atestado médico a pedido do paciente. A resolução do CFM nº 1.819, publicada em 2007, proíbe a colocação do diagnóstico codificado ou tempo de doença no preenchimento das guias de consulta e solicitação de exames de seguradoras e operadoras de planos de saúde concomitantemente com a identificação do paciente.

Confecção de atestados médicos: erros, dúvidas e dilemas

Referências:

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

4 comentários

  1. Infelizmente o que se tem visto por parte das operadoras de planos de saúde, é a exigência da CID juntamente com a identificação do paciente para direito ao reembolso. Uma exposição que vai além ou independe da vontade ou pedido do paciente. Se trata de uma condição para ser reembolsado.

  2. Então no caso da pessoa que pega um atestado médico ela não é obrigada a divulgar no atestado o seu CID?

    • bruno henrique

      nao e obrigado apresentar CID Conselho Federal de Medicina aprovou a Resolução n º 1819, que proíbe a inclusão da CID nos atestados médicos, em alguns casos. O artigo 102 do Código de Ética Médica diz que o médico não pode revelar a doença do paciente sem autorização prévia do mesmo.

  3. Vilma Gutierres leite

    Acontece que as empresas são obrigadas informar na ficha cadastral do empregado o CID do afastamento. Esta é uma exigência do ESocial.
    A questão fica controvertida, pios o médico não pode informar o CID sem a anuência do doente, porém para o Esocial é necessária a informação, para entre outras coisas, fazerem o controle das doenças, principalmente as epidemiológicas.
    Então vamos informar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar