Página Principal > Proctologia > Coceira anal: o que fazer diante desse sintoma?

Coceira anal: o que fazer diante desse sintoma?

Olá a todos! Vou começar com um dos sintomas que mais atormenta os pacientes e gera a maioria das nossas consultas: o prurido anal… ou seja: coceira!

O prurido anal é um dos sintomas mais presentes nas consultas proctológicas e também um dos mais difíceis de ser tratado. Nem sempre conseguimos o diagnóstico rápido, o que gera ansiedade em alguns pacientes.

As causas são diversas, como por exemplo:

  • Infecções virais, fúngicas, verminoses ou bacterianas
  • Alergias
  • Psoríase – que pode ocorrer isoladamente na região anal, podendo não ter a aparência clássica alimentação – os mais comuns: café, chocolate, cerveja, chá, tomate
  • Outras doenças benignas como fissuras, doença hemorroidaria, plicomas
  • Traumas locais
  • Neoplasia
  • Limpeza não efetiva (ou excesso de limpeza)

Cada uma dessas causas ativa uma das vias de ativação do prurido, ou mesmo mais de uma delas, tornando o diagnóstico e o tratamento mais difíceis.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

O diagnóstico é baseado no exame físico, com avaliação de lesões características durante o exame proctológico.

O tratamento é feito a partir dos dados do exame físico, porém algumas coisas são comuns a todas as causas:

– lavar sempre que for evacuar e secar com toalhas macias
– evitar alimentos irritantes, como pimentas, molhos e caldos prontos
– beber bastante água
– usar mais fibras naturais em roupas íntimas

Não esqueça de orientar seu paciente: “caso o primeiro tratamento não funcione, não desista! Como pode ter mais de um fator atuando, é muito importante que o seu médico saiba que os sintomas continuam. Não sofra sozinho! Procure um proctologista!”.

Autor:

Referências:

  • ASCRS textbook of colon and rectal surgery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.