Conheça os médicos brasileiros que revolucionaram a medicina

Parte do grupo mundial de excelência da medicina, além de cuidar dos seus pacientes, esses médicos revolucionaram as suas áreas.

250-BANNER3Parte do grupo mundial de excelência da medicina, além de cuidar dos seus pacientes, esses médicos revolucionaram as suas áreas, desenvolvendo novas técnicas e cirurgias que mudaram os padrões de conduta. Relembre os médicos que se destacaram no Brasil:

1) José Osmar Medina Pestana é o criador e responsável do Hospital do Rim, em São Paulo, o maior centro de transplantes público do mundo. A unidade faz mais de mil transplantes por ano e já ajudou mais de 12 mil pessoas, todas pelo sistema de saúde pública. Não há pacientes particulares mo Hospital do Rim: 90% dos tratamentos são pagos pelo SUS e o restante por convênios.

2) João Pedro da Silva revolucionou a cirurgia para tratar a Anomalia de Ebstein em crianças, realizada para corrigir uma má-formação congênita, que impede o sangue de circular pelo coração. Antes dele, o paciente tinha que passar por operações a cada dez anos para corrigir a má-formação, mas graças à sua técnica, que consiste em criar um cone com o tecido do próprio paciente, não há mais necessidade de novas cirurgias.

3) José Eduardo Souza foi o primeiro médico a fazer cateterismo no Brasil e e é o criador do stent. Em 1966, ele presenciou o primeiro exame de cateterismo nos EUA e foi responsável por importar a técnica e realizá-la, pela primeira vez, no Brasil. Em 1999, José desenvolveu o Stent, implante de aço inoxidável, via catéter. Mais tarde, evoluiu a técnica com Rapamicina, que teve sucesso total em várias artérias coronárias.

85000

4) José Carlos Pachón Mateos é conhecido por criar métodos pouco invasivos para tratar pacientes com arritmias grave, com, em média, apenas 3 dias de repouso. Cientista e médico, José é diretor do Serviço de Arritmia do HCor e o responsável pelo Setor de Estimulação Cardíaca Artificial do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia. Graças ao seu trabalho, a necessidade de abrir o peito e o tórax do paciente é cada vez menor, pois grande parte das doenças cardíacas pode ser tratada com um catéter e o auxílio de computadores.

5) Antônio de Salles criou o marca-passo cerebral, responsável por revolucionar o tratamento da obesidade e do Alzheimer. Fundou o Serviço de Radio-Cirurgia e Estereotaxia (intervenções pouco invasivas, como biópsias) nos EUA, do qual ainda é diretor. A primeira cirurgia para implantação de marca-passos no cérebro foi feita por sua equipe em 1996. De lá para cá, já foram implantados mais de 600 aparelhos.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique Aqui!

Referências: https://gq.globo.com/Corpo/Saude/noticia/2013/11/doutor-tipo-exportacao.html

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe o Whitebook Tenha o melhor suporte
na sua tomada de decisão.

Especialidades

Tags