Leia mais:
Leia mais:
Fórum de Sepse 2022: pulmão no ambulatório – qual a realidade de um paciente pós-alta de covid?
Fórum de Sepse 2022: uso de biomarcadores na covid-19 – prós e contras
Conheça a próxima etapa do estudo da Unicamp e USP sobre os efeitos da covid-19 no cérebro
Covid-19: Ministério da Saúde anuncia aplicação da quarta dose em pessoas a partir dos 80 anos
ISICEM 2022: há benefício na terapia antiplaquetária em pacientes críticos com covid-19?

Covid-19: como fornecer atestados para pacientes suspeitos ou confirmados e seus contatos próximos?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Após um longo período de quedas nos indicadores relacionados à Covid-19, houve, no início de 2022, um importante aumento nos casos de síndrome gripal e na procura de assistência médica. Esse aumento coincide com a chegada da variante ômicron do SARS-CoV-2.

Devido ao crescimento significativo nos índices de vacinação e à maior compreensão da dinâmica de replicação, incubação e disseminação do vírus, organizações internacionais e nacionais revisitaram algumas orientações sobre afastamento e isolamento dos casos e contatos.

Sabemos que a Síndrome Gripal pode ser causada por diferentes agentes virais, sendo definida como um quadro sindrômico caracterizado por um conjunto de sinais e sintomas respiratórios (como tosse, coriza, congestão nasal, dor de garganta, dispneia e cefaleia), sistêmicos (como febre, mialgia e astenia) e gastrointestinais (como náuseas, vómitos e diarreia).

Leia também: O impacto da Covid-19 grave em novas incapacidades e retorno ao trabalho

Covid-19: como fornecer atestados para pacientes suspeitos ou confirmados e seus contatos próximos?

Necessidade de atestado para Covid-19

Segundo as novas orientações do Ministério da Saúde, os pacientes com sintomas gripais (leves e moderados) e teste negativo para Covid-19 (RT-PCR ou TR-Ag) necessitam de 5 dias de afastamento, levando em consideração as outras contaminações virais.

Já os pacientes com quadro de síndrome gripal (leve e moderada) e com teste positivo para Covid-19 (RT-PCR ou TR-Ag), necessitam de 5 a 10 dias de atestado médico. Para que sejam liberados após o 5º dia de sintomas, os pacientes necessitam estar SEM sintomas respiratórios E sem febre E sem uso de medicamentos antitérmicos há pelo menos 24 horas. Além disso, necessitam apresentar testagem negativa para Covid-19 (RT-PCR ou TR-Ag). Para que os pacientes sejam liberados após o 7º ou 10º dia dos sintomas, necessitam estar SEM sintomas respiratórios E sem febre E sem uso de antitérmicos há pelo menos 24 horas, não sendo necessário nova testagem. Por outro lado, os pacientes que estão entre o 7º e o 10º dia dos sintomas e permanecem com sintomas gripais, só podem ser liberados caso apresentem teste negativo de RT-PCR ou TR-Ag.

Pacientes assintomáticos com teste positivo para covid-19 (RT-PCR ou TR-Ag) necessitam de 5 a 7 dias de atestado médico. Para sair do isolamento após cinco dias completos, um novo teste deve ser realizado e o seu resultado deve ser negativo. Caso o  resultado seja positivo, deverá ser mantido isolamento por 7 dias completos.

Para fins de contagem, o dia “0” é o dia do início dos sintomas, enquanto o dia “1” é considerado o primeiro dia completo após o início dos sintomas, ou seja, 24 horas após o início dos sintomas, e assim sucessivamente.

Saiba mais: Remdesivir profilático em pacientes com Covid ambulatorial

Considerando indivíduos imunocompetentes e/ou quadro de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)  com confirmação para Covid-19, as medidas de isolamento e precaução devem iniciar imediatamente e só podem ser suspensas após 20 dias do início dos sintomas, desde que o paciente permaneça afebril e sem o uso de medicamentos antitérmicos há pelo menos 24 horas E com remissão dos sintomas respiratórios, mediante avaliação médica.

Isolamento

A quarentena é recomendada quando ocorre o contato próximo desprotegido com casos suspeitos ou confirmados de Covid-19. O período indicado para a quarentena é de 14 dias após a data da última exposição ao caso suspeito ou confirmado. Contudo, segundo orientações do Centers for Disease Control and Prevention (CDC), dos Estados Unidos, a quarentena pode ser reduzida para 7 dias se o indivíduo for testado a partir do 5º dia do último contato, tiver resultado negativo e não apresentar sintomas no período. Cabe ressaltar que nesta situação o monitoramento dos sinais e sintomas deve ser continuado até o 14º dia e as medidas gerais de prevenção e controle devem ser reforçadas. Caso o paciente apresente sintomas nesse período, ele deve entrar no fluxo dos sintomáticos.

Nos casos confirmados de Covid-19, o CID que deve ser usado é o B34.2. Para o contatante, deve-se usar o CID: 20.9.

Para conferir modelos dos atestados para o paciente e para seus contatos e do termo de responsabilidade, além de outras informações, veja (conteúdo Atestados para casos de COVID-19).

Revisado por:

  • Bruna Freitas — Medicina de Família e Comunidade.

Referências bibliográficas:

Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    5 comentários

    1. Eliane Silva Jordão

      Ótimo !

    2. No caso de paciente com sintomas gripais e contato com pessoa com diagnóstico laboratorial positivo para COVID-19, que apresenta resultado de RT-PCR negativo após a dispensação de atestado médico de 14 dias, como devo proceder? Mantenho em isolamento domiciliar? Se caso a empresa contestar o atestado, o funcionário deve retornar imediatamente ou deve aguardar o fim dos dias de afastamento?

    3. alguém sabe me dizer se somam-se as datas dos atestados ? primeiro como contactante e depois como confirmado ???

    4. Marcos Ulisses garrido Santos da Silva

      Ótimo!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.