Oftalmologia

Crianças podem usar lentes de contato? 

Tempo de leitura: 2 min.

Crianças, assim como adultos, podem usar lentes de contato de forma segura caso eles se comprometam (ou tenham suporte dos pais ou outro adulto) a cuidar bem das lentes e seguir as orientações de uso. É extremamente importante o uso correto das lentes de contato e os cuidados adequados para reduzir o risco de infecção e outras complicações.

O que o CDC e o FDA dizem sobre o uso de lentes de contato em crianças? 

As lentes de contato podem estar associadas a melhor visão dentre outros benefícios, em várias idades, incluindo crianças menores. O uso de lentes de contato pode melhorar a percepção infantil sobre a sua própria aparência e aumentar a confiança nas interações sociais e na participação em atividades esportivas.

Além dessas questões o uso de lentes de contato pode ter indicação médica em casos de anisometropia importante (muitas vezes associado a afacia decorrente da facectomia na catarata congênita), estrabismos, irregularidades da córnea (como no ceratocone), dentre outros. O uso de lentes de contato nessas situações pode estar associado ao melhor desenvolvimento da visão binocular.

O uso de lentes de contato é isento de risco? 

Lentes de contato ficam em íntimo contato com a superfície ocular e não são isentos de risco. Podem estar associadas a infecções corneanas graves e outros tipos de complicações, principalmente se não seguidas as orientações de uso do oftalmologista.

De acordo com um estudo publicado na Pediatrics, mais ou menos 1/4 das crianças que vão para a emergência por ano com lesões oculares (mais ou menos 13.500 das 70.000) têm complicações relacionadas ao uso de lentes de contato. Os problemas principais são relacionados a infecções e abrasões oculares. O mais importante é estar atento aos sinais, seguir as recomendações e sempre adaptar e acompanhar o uso com um especialista.

Leia também: Academia Americana de Oftalmologia alerta para riscos de lente de contato sem prescrição

Os pais tem papel fundamental na adaptação! 

Os pais desempenham um papel ativo nas questões de segurança e saúde no dia a dia das crianças, o que inclui a saúde ocular, especialmente quando é iniciado o uso de lentes de contato. Além da supervisão dos pais, o nível de maturidade dos filhos, a motivação para usar lentes e a higiene pessoas são questões importantes a se considerar.

É importante que pais e filhos entendam que compartilham a responsabilidade de uso e cuidado para que o processo seja bem sucedido.

Saiba mais: Caso clínico: usuária de lente de contato com olho vermelho e secreção

Autor(a):

Referências bibliográficas:

Compartilhar
Publicado por
Juliana Rosa

Posts recentes

Ortoceratologia: a importância de seguir as orientações do oftalmologista

Apesar da ortoceratologia já ter se mostrado uma técnica segura, sabemos que no uso de lentes de contato existe…

15 minutos atrás

Nova ferramenta para avaliar desfechos relatados pelo paciente para a esclerose sistêmica

A esclerose sistêmica (ES) é uma doença com alta morbidade, alto impacto laboral e na…

1 hora atrás

Eructações (arrotos): como abordar?

Eructações, conhecidas popularmente como arrotos, constituem um fenômeno comum e benigno, mas que, em excesso,…

2 horas atrás

Fixação de 1 ou 2 ossos do antebraço nas fraturas pediátricas diafisárias de rádio e ulna?

Fraturas diafisárias dos ossos do antebraço representam até 6% das fraturas pediátricas. Essas lesões se…

3 horas atrás

Novo consenso: tratamento hormonal para mulheres com histórico de câncer de mama e sintomas urogenitais

Novo guideline aborda a segurança e eficácia das opções hormonais e não hormonais em mulheres…

4 horas atrás

Dor oncológica: estratégias de controle

A dor oncológica pode ser classificada ainda em aguda ou crônica, quanto ao início e…

5 horas atrás