Blog do Whitebook

Crise epiléptica: como investigar o caso? [podcast]

Tempo de leitura: 2 min.

Neste episódio do Whitecast, Dr. Felipe Nóbrega, neurologista e conteudista do Whitebook, falará um pouco sobre a crise epiléptica e como atender esses casos.

Segundo a OMS, estima-se que, apenas na América Latina, tenha-se mais de 8 milhões de pessoas sofrendo com seus sintomas. A crise é uma ocorrência muito comum, correspondendo a cerca de 2% dos casos em emergências. Em uma primeira abordagem, é fundamental assegurar a estabilidade clínica do paciente.

Leia mais: Atualização da terapia antiepiléptica inicial em pacientes idosos

Após a estabilidade clínica do paciente, o que fazer?

Alguns questionamentos devem ser feitos pelo médico: será que, de fato, o paciente teve uma crise epiléptica? Devo ou não iniciar drogas anti-convulsivantes?

Logo após a estabilidade e garantia de segurança do paciente, o próximo passo é buscar a etiologia, aquilo que provocou a crise, por meio da coleta de uma boa anamnese. Mas com o paciente com nível de consciência rebaixado, como fazer? Veja as etapas subsequentes e mais informações sobre possíveis diagnósticos diferenciais no podcast completo.

Veja aqui alguns conteúdos relacionados no Whitebook:

Confira também por outros players:

Não deixe de assinar o canal do Whitebook no Spotify! 😀

Abraços e até o próximo Whitecast!

Compartilhar
Publicado por
Bruna Lupp

Posts recentes

Proposta de nomenclatura universal para insuficiência cardíaca (IC)

As definições da insuficiência cardíaca (IC) são extremamente heterogêneas, isso dificulta definir a doença para…

3 horas atrás

Miopatias em pacientes adultos com hipotireoidismo

Pacientes com hipotireoidismo mais grave ou não tratados têm maior probabilidade de desenvolver doença muscular…

4 horas atrás

Você ainda se lembra das manifestações oftalmológicas da Zika congênita? 

Em artigo publicado em maio de 2021, Ventura at al. relataram as manifestações oftalmológicas da…

5 horas atrás

Covid-19: gestantes e puérperas que tomaram a primeira dose da vacina Astrazeneca

Algumas gestantes apresentaram desfechos desfavoráveis por eventos tromboembólicos após a vacinação com a vacina Astrazeneca/Oxford.

6 horas atrás

Estatinas: FDA solicita a remoção da contra-indicação de seu uso durante a gravidez

A FDA diz que, apesar da mudança, a maioria das pacientes deve interromper as estatinas…

7 horas atrás

Explorando a saúde, a doença e a experiência da doença

Vimos que o MCCP é composto por quatro componentes e hoje veremos o primeiro deles:…

8 horas atrás