Endometriose: qual o melhor exame para iniciar a investigação?

Há de consideramos, a princípio, que o padrão ouro no diagnóstico da endometriose é a inspeção laparoscópica seguida da confirmação histológica.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Nos consultórios de atenção básica, bem como os de urgência/emergência, queixas de dor pélvica, dismenorreia intensa, dispaurenia, massas anexiais e infertilidade são relativamente comuns. Nesse sentido, cabe ao médico iniciar devidamente a investigação para melhor definição diagnóstica. Uma das hipóteses que devem ser levantadas nesses casos é a endometriose, doença que pode inclusive aumentar o risco de câncer de ovário. Morbidade que consiste na implantação de tecido endometrial de forma ectópica. A partir disso, qual seria o melhor método complementar que posso solicitar nesse momento?

dismenorreia

Como diagnosticar a endometriose

Há de consideramos, a princípio, que o padrão ouro no diagnóstico da endometriose é a inspeção laparoscópica seguida da confirmação histológica. Entretanto, há uma utilização considerável de outros exames complementares, entre eles: a ressonância nuclear e a ultrassonografia via vaginal. Ressaltando que neste último, acrescenta-se um preparo intestinal que melhora a acurácia dos diagnósticos.

Leia mais: Existe uma maneira melhor de diagnosticar a endometriose?

A diferença no preparo está em permitir uma melhor visualização das estruturas anexiais e do retossigmoide. Nesse sentido, as características ultrassonográficas são: espessamento linear hipoecogênico ou nódulos/massas com ou sem contornos regulares. Além disso, os locais que apresentam maior frequência de tecido endometrial ectópico são os ovários e depois o peritônio pélvico.

Ultrassonografia x Ressonância Magnética

Ressaltamos que a ultrassonografia com preparo pode e deve ser o primeiro exame a ser solicitado dado a sua facilidade de acesso e baixo custo. Além disso, é um método acurado e efetivo na detecção da endometriose. Em comparação à  ressonância magnética, o custo-benefício da ultrassonografia é maior, devendo a RNM estar reservado a casos mais específicos.

É médico e também quer ser colunista do Portal da PEBMED? Inscreva-se aqui!

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão