Cardiologia

ESC 2021: qual é a meta pressórica ideal em pacientes hipertensos idosos?

Tempo de leitura: 3 min.

Para tentar determinar de maneira embasada em evidência a meta pressórica ideal em idosos hipertensos – ainda não definida na literatura científica – foi concebido o STEP trial, apresentado, ontem, no congresso da European Society of Cardiology (ESC 2021).

Atualmente temos evidências e recomendações ainda pouco consistentes em termos de especificidade em relação à meta pressórica ideal para pacientes idosos hipertensos.

Segundo a diretriz do American College of Physicians-American Academy of Family Physicians, a meta em idosos hipertensos é manter-se a pressão arterial sistólica (PAS) abaixo de 150 mmHg, enquanto a diretriz europeia indica manter a PAS entre 130 e 139 mmHg.

Assim sendo, a meta específica ideal de manutenção da PAS em idosos ainda se faz desconhecida.

Meta pressórica em idosos

Nesse contexto e como tentativa de clarificar essa questão, o ensaio clínico STEP trial, incluiu cerca de 8.500 pacientes, dividindo-os aleatoriamente em dois grupos: grupo de tratamento padrão (meta de manutenção da PAS entre 130 e 150 mmHg) e grupo de tratamento intensivo (meta de manutenção da PAS entre 110 e 130 mmHg).

O desfecho primário do estudo foi um composto de AVC, IAM, angina instável com hospitalização, revascularização coronariana, fibrilação atrial, morte por causa cardiovascular.

O acompanhamento dos pacientes após a randomização ocorreu por por 3,3 anos. Os resultados favoreceram de maneira estatisticamente significativa o chamado tratamento intensivo na população de idosos (60-80 anos) hipertensos, observando-se significativa menor incidência dos eventos cardiovasculares pré-especificados no desfecho primário composto cardiovascular descrito acima.

Comentário do autor

Nesse ECR multicêntrico controlado, com seguimento de quase quatro anos e cerca de 8 mil pacientes inscritos, a chamada meta de tratamento intensivo, com PAS na faixa de 110 a 130 mmHg, foi significativamente superior em reduzir AVC, IAM, angina instável com hospitalização, revascularização coronariana, fibrilação atrial e morte por causa cardiovascular, comparada às metas atualmente recomendadas pelas principais diretrizes médicas.

Veja mais do ESC 2021:

Autor:

Referência bibliográfica:

  • Zhang W, et al. Trial of Intensive Blood-Pressure Control in Older Patients with Hypertension. New England Journal of Medicine. August 30, 2021. DOI: 10.1056/NEJMoa2111437
Compartilhar
Publicado por
Felipe Lima Pedrozo

Posts recentes

Relembrando o que é o hipoparatireoidismo

O hipoparatireoidismo é uma condição relativamente rara, causada na maioria das vezes pelo dano cirúrgico…

3 horas atrás

Pandemia impactou no aumento de peso e controle da glicemia dos portadores de diabetes tipo 2

A pandemia de Covid-19 teve um impacto bastante negativo no aumento de peso e controle…

4 horas atrás

Anemia Falciforme: você pode ser um portador deste traço

A anemia falciforme atinge um grande número de brasileiros, dessa forma, os diretos do portador…

5 horas atrás

Escabiose: orientações para o sucesso do tratamento

É importante o paciente com escabiose seguir algumas orientações para tratar a dermatose. Saiba quais…

20 horas atrás

Outubro rosa: Câncer de vulva: update 2021

As neoplasias de vulva respondem apenas por 4% das neoplasias ginecológicas. Saiba mais.

20 horas atrás

Palpação convencional x ultrassom para procedimentos neuroaxiais

Procedimentos neuroaxiais, como punção lombar diagnóstica, são realizados através da palpação de pontos de referência…

21 horas atrás