Página Principal > Saúde & Tecnologia > Escrivão no consultório diminui tempo que médico gasta com documentação?
escrivão

Escrivão no consultório diminui tempo que médico gasta com documentação?

Tempo de leitura: 2 minutos.

Ser multitarefa é uma qualidade cada vez mais em voga atualmente, porém realizar várias atividades ao mesmo tempo pode sobrecarregar o indivíduo, causar estresse, prejudicar o organismo e, ao contrário do que se pensa, impactar negativamente na produtividade. O profissional de saúde não está isento do acúmulo de função no cotidiano hospitalar. Conforme revela uma pesquisa de 2016, para cada hora gasta com um paciente, o médico leva duas horas no preenchimento de registros e documentações.

Mas esse quadro pode ser amenizado. De acordo com um estudo publicado na revista Jama Internal Medicine em setembro, a ajuda de um escrivão otimiza o tempo gasto com documentação eletrônica e registros de saúde e permite que o médico priorize outras tarefas.

Leia mais: Prós e contras do ‘escrivão médico’

O estudo randômico e cruzado, realizado entre 2016 e 2017, contou com 18 clínicos gerais provenientes de dois centros médicos. A pesquisa acompanhou os voluntários durante 12 meses. Os profissionais foram divididos aleatoriamente em dois grupos: o primeiro recebeu o auxílio de um escrivão durante 3 meses e o segundo não teve o acompanhamento; depois deste prazo, o processo foi invertido e o primeiro grupo ficou sem o profissional por mais 3 meses e o segundo grupo passou a contar com o escriturário.

O processo alternado continuou por um ano. Ao final do levantamento, os clínicos gerais responderam a um questionário de seis perguntas; os pacientes responderam à mesma pesquisa, mas após cada visita do escrivão. Conforme demonstram os resultados, em comparação com os períodos sem o escrivão no consultório, o auxílio do profissional quando este esteve presente significou menos horas-extras gastas com documentação de prontuário eletrônico, tanto em dias úteis quanto nos fins de semana (<1 hora diária durante a semana: Odds Ratio ajustada [aOR], 18,0; IC 95% [4,7-69,0]; < 1 hora diária durante o fim de semana: aOR 8,7; IC 95% [2,7-28,7]).

A otimização do tempo também impactou na relação médico-paciente, pois os clínicos passaram cerca de 75% do atendimento interagindo com o paciente (aOR 295,0; IC 95% [19,7 a >900]) e menos de 25% deste prazo foi gasto em frente ao computador (aOR 31,5; IC 95% [7,3-136,4]).

Tenha em mãos informações objetivas e rápidas sobre práticas médicas. Baixe o Whitebook

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

  • Mishra P, Kiang JC, Grant RW. Association of Medical Scribes in Primary Care With Physician Workflow and Patient Experience. JAMA Intern Med. Published online September 17, 2018. doi:10.1001/jamainternmed.2018.3956

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.