← Voltar

Antidepressivos e anticoagulantes

ANDRE LUIZ DE SOUTO LIMA ALBUQUERQUE

Clínica Médica · CRM: 6964/PE

Denuncie

Atendi um paciente de 65 anos,hipertenso e diabético.Portador de trombofilia pelo fator VIII,dois episódios de TVP em MMII.Usa rivaraxabana 20 mg/dia desde há 06 anos.Perdeu familiar ,está deprimido,psiquiatra prescreveu 100 mg/dia de escitalopram .Paciente intolerante a inibidor de bomba de Protons (cefaleia e diarreia).Considerando a interação antidepressivo e anticoagulante,qual seria a forma de protege-lo de eventual sangramento (oculto ou evidente)? Grato pela atenção. 

 

Alan Homero dos Santos:

CRM: 42637/PR
Data do comentário: 17/09/2021 - 12h03

Dr,

Estava vendo a interação do Xarelto com antidepressivos. O escitalopram está em uma dose elevada e pode aumentar o efeito do anticoagulante.

Uma alternativa seria o uso de Duloxetina ou Duais (Venlafaxina e Desvenlafaxina) pois não interferem com o anticoagulante.

 

Os duais em idosos estão mais associados a queda. A Duloxetina 30 mg (pelo menos essa dosagem por duas semanas ) seria uma opção melhor pro seu paciente.

Enviar comentário

Loading...

Esse conteúdo é exclusivo para médicos.

Para ter acesso, identifique-se através do login ou cadastre-se gratuitamente!

Entrar | Cadastrar