Clínica Médica

IM/ACP 2021: rastreio de câncer colorretal e efeitos do kiwi para constipação

Tempo de leitura: 3 min.

Estivemos juntos nos últimos dias realizando a cobertura do Internal Medicine Meeting da American College of Physicians (IM/ACP 2021), que, devido às limitações da pandemia, foi em formato virtual. No último dia de congresso, a Amy S. Oxentenko da Mayo Clinic fez um levantamento das principais atualizações em gastroenterologia para o clínico.

Neste post, traremos os dois artigos que foram destaque na palestra: um sobre rastreio do câncer colorretal e outro sobre efeitos do kiwi para constipação.

Mudanças no rastreio de câncer colorretal

Um dos destaques da palestra foram as mudanças no rastreio do câncer de colorretal (CCR) em 2021. A última atualização do guideline do American College of Gastroenterolgy para o tema havia ocorrido em 2009 e a literatura tem sofrido muitas atualizações desde então.

As recomendações em destaque foram:

  • Recomenda-se a triagem de CCR em indivíduos de risco médio entre as idades de 50 e 75 anos para reduzir a incidência de adenoma avançado, CCR e mortalidade por CCR. (Forte recomendação; evidência de qualidade moderada)
  • Sugere-se o rastreamento do CCR em indivíduos de risco médio entre 45 e 49 anos para reduzir a incidência de adenoma avançado, CCR e mortalidade por CCR. (Recomendação condicional; evidência de qualidade muito baixa).
  • Recomenda-se colonoscopia e Exame imunoquímico fecal (FIT) como as modalidades de triagem primária para triagem CCR. (Forte recomendação; evidência de baixa qualidade).
  • Sugere-se considerar os seguintes testes de triagem para indivíduos que não podem ou não querem se submeter à colonoscopia ou FIT: sigmoidoscopia flexível, mt-sDNA (multitarget stool DNA), colonografia por TC ou cápsula do cólon. (Recomendação condicional; evidência de qualidade muito baixa)

Kiwi para constipação: funciona?

O último tópico relevante apresentado pela autora falava sobre o uso do kiwi para constipação crônica. Foi discutido o artigo “Randomized, Comparative Effectiveness Trial of Green Kiwifruit, Psyllium, or Prunes in U.S. Patients with Chronic Constipation” do American Journal of Gastroenterolology.

Sabe-se que é comum os pacientes constipados buscarem terapias naturais, o que desperta interesse em saber se elas realmente funcionam. Participaram do estudo 79 pacientes que foram randomizados em 3 grupos de terapias naturais: kiwi (2 por dia); ameixas (100g/dia); psyllium (12g/dia)

No estudo, foi observado que kiwi, psyllium e ameixas melhoraram os movimentos intestinais em pacientes constipados. A sensação de inchaço e dor melhoraram com kiwi e os pacientes deste grupo relataram menos efeitos colaterais e insatisfação. Parece que um kiwi (ou dois) por dia pode ser uma boa opção para a constipação.

Mensagem prática

  1. As recomendações do ACG para o rastreio de câncer colorretal foram atualizadas. Recomenda-se a triagem de CCR em indivíduos de risco médio entre as idades de 50 e 75 anos e sugere-se benefícios do rastreamento a partir de 45 anos.
  2. Nos pacientes com constipação crônica, o kiwi pode ser um aliado na prescrição.

Veja mais do congresso:

Autora:

Referências bibliográficas:

Compartilhar
Publicado por
Dayanna de Oliveira Quintanilha

Posts recentes

Relembrando o que é o hipoparatireoidismo

O hipoparatireoidismo é uma condição relativamente rara, causada na maioria das vezes pelo dano cirúrgico…

2 horas atrás

Pandemia impactou no aumento de peso e controle da glicemia dos portadores de diabetes tipo 2

A pandemia de Covid-19 teve um impacto bastante negativo no aumento de peso e controle…

3 horas atrás

Anemia Falciforme: você pode ser um portador deste traço

A anemia falciforme atinge um grande número de brasileiros, dessa forma, os diretos do portador…

4 horas atrás

Escabiose: orientações para o sucesso do tratamento

É importante o paciente com escabiose seguir algumas orientações para tratar a dermatose. Saiba quais…

19 horas atrás

Outubro rosa: Câncer de vulva: update 2021

As neoplasias de vulva respondem apenas por 4% das neoplasias ginecológicas. Saiba mais.

19 horas atrás

Palpação convencional x ultrassom para procedimentos neuroaxiais

Procedimentos neuroaxiais, como punção lombar diagnóstica, são realizados através da palpação de pontos de referência…

20 horas atrás