Intubação traqueal: posição supina ou vertical?

A intubação traqueal é mais comumente realizado na posição supina, mas estudos recentes sugerem que a elevação da cabeça do paciente diminui complicações.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A intubação traqueal por laringoscopia direta tem sido um procedimento importante na medicina, possuindo caráter eletivo ou de emergência. A indicação de modo eletivo fica reservada principalmente para os pacientes submetidos a cirurgia, sendo uma decisão de anestesistas e endoscopistas, por exemplo. Para o pediatra, as principais indicações estão nas situações de emergência, tais como parada cardiorrespiratória, insuficiência respiratória, hipoventilação, choque, coma, pós-operatório e politraumatismo. A intubação traqueal também pode ser utilizada para controle da ventilação e administração de medicamentos.

Este procedimento é mais comumente realizado na posição supina. Entretanto, estudos recentes sugerem que a elevação da cabeça do paciente para uma posição mais vertical pode diminuir as complicações da intubação. No entanto, existem poucos dados sobre a viabilidade da intubação ereta no departamento de emergência.

Recentemente, Turner e colaboradores realizaram um estudo observacional prospectivo para avaliar a taxa de sucesso de residentes realizando intubação em supino e não supino, incluindo posições eretas. Para isso foi avaliado o sucesso da primeira passagem calculado em relação a três grupos: 0-10° (supino), 11-44° (inclinado) e ≥45° (vertical). O sucesso da primeira passagem também foi analisado através de incrementos de ângulo de 5°. Na Figura 1 pode ser observada a prática da intubação em 45°.

Figura 1. Demonstração da intubação a 45°/Fonte: Turner et al., 2017.

No estudo, foram analisadas 231 intubações realizadas por 58 residentes. Os residentes participantes realizaram de 1 a 12 intubações. Trinta e oito residentes realizaram três ou mais intubações, e destes 31 realizaram o procedimento em diferentes posições.

O sucesso da primeira passagem foi de 65,8% para o grupo supino, 77,9% para o grupo inclinado e 85,6% para o grupo vertical (p=0,024). Para cada aumento de 5° no ângulo, houve maior probabilidade de sucesso na primeira passagem (p=0,043).

Os resultados mostraram que os residentes apresentaram uma taxa elevada de sucesso na intubação na posição ereta. Embora isso não demonstre a causalidade, pode ser correlacionar com a literatura recente que desafia a abordagem tradicional de supino para a intubação e indica que uma investigação mais aprofundada sobre o posicionamento ideal durante as intubações do departamento de emergência é necessária.

Referências:

  • Grover A, Canavan C. Tracheal intubation. Anaesth Intensive Care Med. 2007;8(9):347–51.
  • Turner JS, Ellender TJ, Okonkwo ER, Stepsis TM, Stevens AC, Sembroski EG, et al. Feasibility of upright patient positioning and intubation success rates at two academic emergency departments. Am J Emerg Med [Internet]. Elsevier Inc.; 2017; Available from: https://linkinghub.elsevier.com/retrieve/pii/S0735675717301006https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28202295
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades