Página Principal > Medicina Esportiva > Medicina do Exercício e Esporte: especialidade em franco crescimento, mas ainda pouco conhecida
exercício idosos

Medicina do Exercício e Esporte: especialidade em franco crescimento, mas ainda pouco conhecida

Dando sequência a nossa série de artigos sobre Residência e as especialidades médicas, hoje Dr. Marco Aurélio Moraes fala tudo que você precisa saber sobre a Medicina Esportiva.

1) O que é?

A Medicina do Exercício e Esporte é uma especialidade que, apesar de estar em franco crescimento, ainda é pouco conhecida pelos médicos em geral, tal como por estudantes, pois não faz parte da grade curricular obrigatória nos cursos de Medicina, sendo estudada como matéria opcional em algumas faculdades. Apesar disto, a Sociedade de Medicina do Exercício e do Esporte existe há muito tempo.

O objetivo da especialidade é trabalhar com indivíduos que queiram manter, melhorar ou recuperar sua saúde, através da prática de exercício como ferramenta adicional na redução de risco de patologias diversas, além de atuar na prevenção e/ou tratamento de atletas de competição amadores e/ou profissionais.

2) Como é o dia a dia?

Apesar de estar intrinsecamente associado a cardiopatias (Reabilitação Cardíaca supervisionada) e alterações ortopédicas, o exercício tem uma ação decididamente importante em outras especialidades médicas, ajudando no controle e redução de mortalidade, com melhora prognóstica e de qualidade de vida em pacientes com DPOC, DRC, doenças reumáticas/autoimunes, neuropatias, entre outras. Além disto, o médico especialista pode ser uma excelente opção na avaliação pré-participação de indivíduos que queiram iniciar, retornar ou modificar suas atividades físicas habituais ou desportivas.

3) Oportunidades de trabalho:

A especialidade pode ser feita através de residências médicas ou pós-graduações, e a atividade profissional pode ser desempenhada em associações ou clubes esportivos, serviços de reabilitação ou consultório.

4) Número de especialistas:

No momento, temos aproximadamente 800 especialistas registrados pela Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e Esporte.

Quer receber diariamente notícias médicas no seu WhatsApp? Cadastre-se aqui!

5) Curiosidade(s):

– A Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte (SBMEE) foi criada em 1962, filiada à Associação Médica Brasileira (AMB). Já a criação da residência só aconteceu em 2005.

6) Especialidades correlacionadas:

As especialidades mais comumente relacionadas são Cardiologia e Ortopedia, mas como dito antes, o exercício já está referendado ou sendo muito estudado nas mais diversas especialidades.

7) Área de atuação:

Como mencionado anteriormente, o especialista pode atuar com indivíduos que queiram manter, melhorar ou recuperar sua saúde, além da prevenção e/ou tratamento de atletas de competição amadores e/ou profissionais.

8) Mensagem para quem quer seguir essa especialidade:

Aos estudantes, a mensagem que eu deixo é que hoje o sedentarismo é um dos principais fatores de risco cardiovascular, além de estar intimamente associado a alguns tipos de câncer. Assim, a prática de atividade física regular, padronizada de maneira a caracterizar o exercício, deve cada vez mais ser prescrita, e o especialista em Medicina do Exercício e Esporte estará apto a prescrevê-lo da forma mais adequada.

*Os artigos sobre as especialidades médicas foram produzidos em parceria com a Associação Nacional de Médicos Residentes

Autor:

Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.