O escore de Wood-Downes na avaliação da gravidade da asma em pediatria

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Em 1972, David Wood, John Downes e Harold Lecks, médicos da Filadélfia, desenvolveram um sistema de pontuação clínica para detectar insuficiência respiratória iminente ou vigente na asma em crianças. A pontuação desse escore, conhecido como escore de Wood-Downes, é baseada em uma avaliação numérica de oxigenação, trocas gasosas, trabalho respiratório, obstrução das vias aéreas e função cerebral. Existe uma correlação altamente significativa entre a pontuação e a tensão arterial de dióxido de carbono (pCO2). A tensão arterial de oxigênio (pO2) também está significativamente relacionada. Apesar de antigo, o escore ainda é usado em todo o mundo, em especial em trabalhos científicos. 

Leia também: Dia Nacional de Controle da Asma

O escore de Wood-Downes na avaliação da gravidade da asma em pediatria

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

Escore de Wood-Downes para avaliação da gravidade da asma em pediatria

Característica clínica Pontuação
0 1 2
pO2 ou

Cianose

70 – 100 mmHg em AA

Nenhuma

≤ 70 mmHg em AA

Em AA

≤ 70 mmHg com FiO2 = 40%

Com FiO2 = 40%

Murmúrio vesicular Nenhum Desiguais Diminuídos ou ausentes
Uso de musculatura acessória Nenhuma Moderada Máxima
Sibilos expiratórios Nenhum Moderados Marcados
Função cerebral Normal Deprimido ou agitado Coma
Legenda: AA – ar ambiente; FiO2 – fração inspirada de oxigênio; pO2 – tensão arterial de oxigênio.
Notas: Esta pontuação foi projetada para uso em crianças com status asmático.
Escores: ≥ 5 – insuficiência respiratória iminente; ≥ 7 com tensão arterial de dióxido de carbono (pCO2) de 65 mmHg indica insuficiência respiratória existente.
Há autores que utilizam a seguinte pontuação: escore < 5 – crise leve; escore ≥ 5 – crise moderada; escore ≥ 7 – crise grave.
Fonte: Adaptado de Wood, Downes e Lecks (1972) e curso Venticamp (2013).

Mensagem final

Um sistema de pontuação numérica pode ser útil para fornecer uma estimativa razoavelmente precisa e facilmente registrada do progresso do paciente e da resposta à terapia. Além disso, facilita a comunicação entre aqueles que estão ao lado do leito e os consultores. Pode ser muito útil para ensinar médicos e enfermeiras a avaliar a gravidade clínica da doença. A pontuação pode ser útil para o diagnóstico precoce de uma crise mais grave iminente e, assim, facilitar a transferência de um paciente para uma instalação equipada e com pessoal treinado. O escore clínico não deve ser considerado um substituto para análises seriadas de gasometria, o método objetivo mais confiável de predizer e diagnosticar insuficiência respiratória. Em vez disso, o escore é um complemento útil que pode ser determinado a qualquer momento e tem uma relação significativa com a pCO2 e, portanto, com a ventilação alveolar.

Saiba mais: A asma é um fator de risco ou protetor para Covid-19 em pediatria?

Na minha prática, costumo utilizar o escore de Wood-Downes durante as admissões e o acompanhamento de crianças com asma. No entanto, observo que há uma dificuldade grande de adesão, provavelmente devido ao desconhecimento desse sistema de pontuação. 

Autor(a):

Referências bibliográficas:

  • Wood DW, Downes JJ, Lecks HI. A clinical scoring system for the diagnosis of respiratory failure. Preliminary report on childhood status asthmaticus. Am J Dis Child. 1972;123(3):227-228. doi:10.1001/archpedi.1972.02110090097011
  • Curso Venticamp Pediátrico – Instituto Terzius. Campinas/SP, 2013
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar