O impacto da cirurgia de catarata na qualidade de vida é o mesmo no primeiro e no segundo olho?

Queremos saber a sua opinião! Gostou de ouvir essa notícia em áudio? Clique aqui e responda nossa pesquisa.

Nos últimos anos, houve um aumento no número de cirurgias de catarata realizadas no mundo. Com o envelhecimento populacional é ainda esperado que o número de cataratas operáveis continue aumentando. A cirurgia de catarata já é o procedimento mais realizado no mundo, com 1.7 milhões de cirurgias feitas anualmente somente nos Estados Unidos.

Estudos anteriores já demonstraram que existe ganho importante na função visual, aspectos sociais e emocionais da vida e na redução de quedas após a cirurgia do primeiro olho. Mas será que existe diferença nesses benefícios em relação à cirurgia do segundo olho?

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Apesar de a cirurgia do segundo olho já ter sido associada a ganhos objetivos em acuidade visual, sensibilidade ao contraste e mobilidade, evidências de benefícios reportados pelos pacientes na cirurgia do segundo olho, principalmente relativas ao primeiro, continuam controversas.

Estudo publicado por Nacul et al. na Ophthalmology, em maio deste ano, usou o questionário de função visual do National Eye Institute, o mais usado em oftalmologia, para analisar o impacto do primeiro olho versus segundo olho na função visual e qualidade de vida.  Foram analisados 328 pacientes submetidos a cirurgias em ambos os olhos em cinco centros de oftalmologia dos Estados Unidos. Os questionários eram respondidos 30 e 90 dias antes da cirurgia e 30 e 90 dias depois da cirurgia.

Comparando com o segundo olho, o primeiro tinha pior média pré-operatória de acuidade visual corrigida (20/60 no primeiro X 20/40 no segundo; p<0.001) e média pouco pior de acuidade visual corrigida pós-operatória (20/25 no primeiro X 20/20 no segundo). A prevalência de catarata cortical e nuclear foi similar nos dois grupos, porém o grupo do primeiro olho teve maior prevalência de catarata subcapsular posterior.

Mais da autora: ‘Cegueira e baixa visão no mundo: cenário atual’

Na avaliação de qualidade de vida associada à visão, a cirurgia do segundo olho teve benefícios em relação à cirurgia do primeiro olho isolada. Os benefícios do procedimento no segundo olho parecem ser qualitativamente diferentes daqueles do primeiro olho. Em certos aspectos, particularmente os relacionados ao status socioemocional, como a interação social,  saúde mental e independência em atividades do dia-a-dia, a cirurgia do segundo olho trouxe melhorias tão grandes quanto o primeiro olho, sem diferença estatística na magnitude da melhoria. A cirurgia do segundo olho pode conferir benefícios na qualidade de vida não atingidos com a cirurgia do primeiro olho isolada.

Em relação a parâmetros como acuidade visual, sensibilidade ao contraste e mobilidade, a cirurgia do segundo olho foi associada a ganhos adicionais. Os ganhos em função visual foram maiores no primeiro olho, porém isso pode ser explicado pelo fato da acuidade visual corrigida pré-operatória ser pior no grupo do primeiro olho.

O estudo em questão conclui que existem evidências que suportam que a cirurgia de catarata do segundo olho melhora de forma significativa a função visual e qualidade de vida em níveis acima aos atingidos pela cirurgia isolada do primeiro olho. Oftalmologistas devem estar atentos aos aspectos subjetivos da função visual e socioemocionais da qualidade de vida após a cirurgia do primeiro olho, caso o paciente tenha catarata também no outro olho, já que estes podem experimentar melhorias ainda maiores nestes aspectos se submetidos à facectomia no segundo olho.

Autora

Referência:

  • Shekhawat NS, Stock MV, Baze EF, Daly MK, et al. Impact of First Eye versus Second Eye Cataract Surgery on Visual Function and Quality of Life. Ophthalmology 2017 May 16.
Relacionados