Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Emergências / Pacientes consideram que algumas condições são ‘piores que a morte’

Pacientes consideram que algumas condições são ‘piores que a morte’

Acesse para ver o conteúdo

Inscreva-se gratuitamente para acessar esse conteúdo e muito mais no Portal PEBMED!

Tenha acesso ilimitado a quizzes, casos clínicos, novos estudos e diretrizes atualizadas.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

250-BANNER6Em um estudo sobre qualidade de vida, uma pequena maioria de pacientes hospitalizados com doenças graves avaliaram algumas condições como sendo “piores que a morte”. Os resultados trazem uma nova abordagem na discussão sobre a qualidade de cuidados ao doente.

Os autores do estudo, publicado no JAMA Internal Medicine, entrevistaram 180 indivíduos, com 60 anos ou mais, hospitalizados com doenças restritivas graves. Alguns estados de saúde com grau de limitação foram apresentados aos pacientes, que então classificaram cada estado como: pior que a morte, nem melhor nem pior do que a morte, o mesmo que a morte, um pouco melhor do que a morte ou muito melhor do que a morte.

Veja também: como garantir os desejos do seu paciente – Diretrizes Antecipadas de Vontade

Incontinência urinária e fecal e dependência de ventilação mecânica foram classificados como “piores que a morte”. Dependência de um tubo de alimentação, confinamento à cama, demência e necessidade de cuidados 24 horas por dia foram classificados como “o mesmo que a morte” ou pior.

Um professor e médico americano da Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health criticou o estudo, pois considerou a metodologia falha e as porcentagens enganosamente altas. Os autores se defenderam e disseram que os resultados não devem ser interpretados literalmente – isto é, alguém que vê uma condição como pior do que a morte não necessariamente preferiria morrer. Por exemplo, um paciente que classifica sua condição dessa forma ainda pode optar por receber cuidados, porque ele acredita que sua saúde irá melhorar.

As descobertas devem desafiar pesquisadores de medidas de qualidade centrados no paciente a considerar novas métricas, tais como a prevenção de estados piores que a morte.

500x250banner2

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique Aqui!

Referências:

  • JAMA Intern Med. Published online August 1, 2016.
  • Patients Call Some Health States ‘Worse Than Death’ in Study. Medscape. Aug 11, 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.