Neurologia

Procedimentos cirúrgicos podem aumentar o risco para a síndrome de Guillain-Barré

A síndrome de Guillain-Barré (SGB) é uma doença autoimune rara em que o próprio sistema imunológico danifica as células nervosas do sistema nervoso periférico. A etiologia ainda é desconhecida, mas novas pesquisas sugerem que procedimentos cirúrgicos podem desempenhar um papel na fisiopatologia da doença.

Pesquisadores realizaram um estudo retrospectivo com 208 pacientes (idade média de 55 anos) diagnosticados com a SGB. Os pacientes foram estratificados em dois grupos, sendo o grupo 1 composto por indivíduos diagnosticados com SGB dentro de oito semanas após um procedimento, e o grupo 2 composto por indivíduos com SGB que não realizaram cirurgia ou procedimento antes do início da doença.

Os principais tipos de cirurgias/procedimentos que precederam a ocorrência de SGB foram gastrointestinal, cardíaco e ortopédico.

Veja também: ‘Imunoglobulinas no tratamento de doenças neurológicas’

Os resultados mostraram que 15% dos pacientes que desenvolveram a SGB tinham sido submetidos a um procedimento cirúrgico dois meses antes de desenvolver a doença. Destes, 61% apresentaram uma malignidade associada e 29% tinham doenças autoimunes.

Na análise univariada, os fatores que mostraram associação com a SGB pós-cirúrgica foram: idade (p=0,003), malignidade (p<0,0001), malignidade ativa (p=0,05), distúrbio autoimune preexistente (p=0,001) e duração da hospitalização (p=0,015). Na análise multivariada, idade (p=0,045), malignidade (p <0,0001) e doença autoimune preexistente (p=0,004) permaneceram associados.

E mais: ‘Complicações Neurológicas Do Zika’

Mais pesquisas precisam ser conduzidas para confirmar os resultados deste estudo. De qualquer forma, os procedimentos cirúrgicos antecederam a SGB em 15% dos pacientes, o que é uma quantidade inesperadamente elevada.

*Artigo revisado pela biomédica Juliana Festa

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Referências:

  • Guillain-Barr syndrome after surgical procedures: Predisposing factors and outcome. Elanagan Nagarajan, Mark Rubin, Eelco F.M. Wijdicks, and Sara E. Hocker published ahead of print November 23, 2016, doi:10.1212/CPJ.0000000000000329: 2163-0933
Compartilhar
Publicado por
Vanessa Thees

Posts recentes

Uso da ventilação não invasiva no tratamento da bronquiolite: existe melhora do prognóstico?

A bronquiolite é uma das principais doenças na pediatria, acometendo geralmente crianças abaixo de dois…

17 segundos atrás

Monitorização de longo prazo para FA subclínica após AVCi

Pacientes com AVCi devem ser monitorizados para eventos cardíaco nas primeiras 24 horas após o…

1 hora atrás

Albumina na cirrose hepática: usos além da função de coloide

Apesar de conhecermos a albumina como um coloide, pesquisas mais recentes vêm descobrindo que ela…

2 horas atrás

Uso de pessário associado a progesterona para prevenção de partos prematuros

Artigo publicado apresentou a possibilidade da associação entre pessário e o uso de progesterona na…

3 horas atrás

Psicofobia: O que podemos fazer para que haja mudança social?

A psicofobia é um termo que possui seu significado ligado ao preconceito contra pessoas que…

4 horas atrás

Ministério da Saúde lança campanha nacional de combate ao mosquito Aedes aegypti

O Ministério da Saúde lançou a campanha nacional de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor…

23 horas atrás