Quais são os antiepilépticos mais indicados durante a gestação?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Na reunião anual de 2016 da American Epilepsy Society (AES), pesquisadores apresentaram novos dados de um estudo sobre os antiepilépticos mais comuns na gestação: a maior parte das pacientes está sendo tratada com lamotrigina e/ou levetiracetam.

O estudo apresentado incluiu um total de 565 mulheres de 20 clínicas norte-americanas entre 2012 e 2016: 351 pacientes grávidas com epilepsia; e dois grupos de controle com 105 grávidas sem epilepsia e 109 não grávidas com epilepsia.

Em relação ao tratamento, 73% das mulheres com epilepsia estavam recebendo monoterapia (lamotrigina ou levetiracetam); destas, cerca de 66% tinham epilepsia focal. O restante apresentava convulsões generalizadas ou não identificadas.

A razão para isso, explicam os pesquisadores, é que as evidências apontam as duas drogas como as mais seguras para uso durante a gestação: baixas taxas de malformação e bons resultados cognitivos e comportamentais infantis.

O estudo segue analisando os resultados maternos, como convulsões, depressão e partos cesáreos.

Tendências anteriores

No inícios dos anos 1900, os três antiepilépticos mais populares para mulheres grávidas eram carbamazepina, fenitoína e valproato. A presença dessas drogas foi drasticamente reduzida, em parte, graças às novas evidências – ou falta delas – que mostraram efeitos adversos graves.

O valproato, por exemplo, já foi associado a malformações e déficits cognitivos no bebê. As últimas recomendações da American Academy of Neurology e da American Epilepsy Society  já orientam contra o uso da droga durante a gestação.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Referências:

  • Lamotrigine, Levetiracetam Top AEDs in Pregnancy. Medscape. Dec 09, 2016.
  • American Epilepsy Society (AES) 2016 Annual Meeting. Poster 1.211, Platform Session C.03. Presented December 3 and 5, 2016.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar