Página Principal > Clínica Médica > Sinusite: duração da antibioticoterapia é longa demais?
medicamento

Sinusite: duração da antibioticoterapia é longa demais?

Tempo de leitura: 1 minuto.

Sinusite bacteriana é uma das condições mais comumente tratadas com antibióticos. A duração da antibioticoterapia varia entre as diretrizes nacionais e internacionais e, de acordo com um novo estudo publicado no JAMA Internal Medicine, esse tempo é, na maioria dos casos, longo demais.

Em geral, as diretrizes para tratamento da sinusite bacteriana focam na questão de prescrever ou não antibióticos e qual é o fármaco mais eficaz. Em relação ao tempo de tratamento, ainda não há um consenso. A Infectious Diseases Society of America (IDSA) recomenda de 5 a 7 dias, enquanto a Sociedade Brasileira de Rinologia indica de 7 a 14 dias de antimicrobianos.

Para esse estudo de duração de tempo, pesquisadores analisaram quase 4 milhões de consultas em 2016, nas quais antibióticos foram prescritos para sinusite bacteriana. A duração mediana das prescrições foi de 10 dias; 69,6% foram para 10 dias ou mais. Após a exclusão da azitromicina, essa proporção subiu para 91,5%. Como o guideline americano da IDSA recomenda até, no máximo, 7 dias, essa duração foi considerada inadequada.

Para os autores, identificar o tempo ideal para tratamento da sinusite bacteriana é fundamental para o melhor desfecho do paciente e para diminuir o risco de resistência aos antibióticos.

A maneira mais eficaz para tratar sinusite

Referências:

  • King LM, Sanchez GV, Bartoces M, Hicks LA, Fleming-Dutra KE. Antibiotic Therapy Duration in US Adults With Sinusitis. JAMA Intern Med. Published online March 26, 2018. doi:10.1001/jamainternmed.2018.0407

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.