Teste respiratório do hidrogênio expirado em pediatria: quais são as indicações? - PEBMED

Teste respiratório do hidrogênio expirado em pediatria: quais são as indicações?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

O teste respiratório do hidrogênio expirado (THE) é uma ferramenta complementar não invasiva frequentemente utilizada em centros de referência para a avaliação de má absorção de carboidratos, diagnóstico do supercrescimento bacteriano do intestino delgado (SCBID) ou para a determinação do tempo de trânsito fecal orocecal. 

De forma geral, as bactérias intestinais estão localizadas predominantemente no cólon e no intestino delgado mais distal. Nas situações nas quais a absorção de açúcar é inadequada, os carboidratos não absorvidos constituem o substrato para a flora do cólon. Quando ocorre o metabolismo dessa flora, ácidos graxos de cadeia curta e gases, como o hidrogênio (H2) e metano (CH4), são formados. Lembrando que as células humanas não produzem H2 e CH4. 

Leia também: Ingestão de carboidratos e a mortalidade: o que dizem as evidências

Teste respiratório do hidrogênio expirado em pediatria: quais são as indicações?

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

Como funciona o THE?

A ideia central do THE é baseada no conceito de que parte do gás produzido pela fermentação bacteriana do cólon se difunde na corrente sanguínea, sendo então excretada pela respiração, onde pode ser facilmente quantificada por cromatografia. 

Indicações mais frequentes:

  • Intolerância à lactose: ocorre quando a lactose não é hidrolisada de forma adequada no intestino delgado, gerando uma má absorção, chegando até o cólon e levando à produção de gases. Dessa forma, surgem os sintomas comumente conhecidos, como distensão e desconforto abdominal, diarreia, náuseas e vômitos; 
  • Intolerância à frutose: além de estar presente em diversas frutas, a frutose também é utilizada para adoçar alimentos industrializados. A absorção inadequada de frutose gera sintomas muito parecidos com os da intolerância à lactose;
  • Avaliação do tempo de trânsito orocecal: mais utilizado quando se suspeita de um trânsito intestinal acelerado, paciente clinicamente com diarreia e/ou aumento da frequência evacuatória. Nesse caso, avalia-se o tempo entre a ingestão da lactulose e o início da sua fermentação no intestino grosso;
  • SCBID: decorrente do aumento do número de bactérias fermentáveis no intestino delgado, gerando sinais e sintomas que vão desde distensão abdominal, diarreia e dor abdominal a casos mais graves com perda ponderal e deficiências nutricionais;
  • Intolerância a outros carboidratos: como frutano, sacorose, sorbitol, d-xilose e xilitol. 

Saiba mais: Sintomas gastrointestinais e fadiga podem persistir após infecção por Covid-19

O teste respiratório do hidrogênio expirado (THE) tem um papel especial na propedêutica dos distúrbios gastrointestinais funcionais em pediatria, mas ainda há um grande desafio em relação aos valores de referência para tal população e a interpretação precisa dos seus resultados. Por isso, a racionalização do THE e sua indicação de forma adequada otimizam e possibilitam o seu uso preciso na prática clínica.

Autor(a):

Referências bibliográficas: 

  • Däbritz J, et al. Significance of hydrogen breath tests in children with suspected carbohydrate malabsorption. BMC pediatrics. 2014;14(59). doi: 10.1186/1471-2431-14-59
  • Posovszky C, et al. Reply to Comments on the Editor Re: Carsten Posovszky et al. “Roles of Lactose and Fructose Malabsorption and Dietary Outcomes in Children Presenting with Chronic Abdominal Pain.”, Nutrients 2019, 1, 3063. Nutrients. 2020;12(6), 1556. doi: 10.3390/nu12061556

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar