Leia mais:
Leia mais:
Tremor não é sinônimo de doença de Parkinson [vídeo]
Doença de Parkinson e Covid-19: o que se sabe até agora?
Novo método de cirurgia pode beneficiar pacientes com doença de Parkinson
Esclerose amiotrófica e indução de proteínas de choque térmico
Parkinson: nova terapia é capaz de atenuar sintomas

Tremor não é sinônimo de doença de Parkinson [vídeo]

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Neste vídeo, a radiologista, Fernanda Rueda, criadora do canal Neurorradio em pauta, aborda o tema tremor, uma queixa bastante comum na prática clínica e que permite múltiplos diagnósticos diferenciais. A doença de Parkinson, a causa mais conhecida de tremor, tem um diagnóstico basicamente clínico. No entanto, a ressonância magnética ajuda na exclusão dos diagnósticos diferenciais, principalmente na determinação de causas vasculares e das Síndromes Parkinsonianas.

Confira esse e outros conteúdos do Neurorradio em pauta no youtube.

A Ressonância no Tremor

A região dos núcleos da base sempre deve ser bem avaliada nos exames de imagem, uma vez que essa zona está relacionada aos movimentos finos, sendo necessária uma busca ativa de pequenas lesões vasculares (infartos lacunares) nessa topografia. Além disso, com o avanço tecnológico e os aparelhos de 3 Tesla, é possível a identificação do Nigrossoma-1, um conglomerado de neurônios dopaminérgicos localizados na substância nigra, que, quando degenerado, está relacionado aos tremores de origem Parkinsoniana. Portanto, a Ressonância está assumindo cada vez mais um papel na determinação das causas dos tremores.

Tópicos abordados no vídeo

  • Investigação por imagem dos tremores
  • Como avaliar a região dos núcleos da base na ressonância magnética
  • A importância de se identificar pequenas e múltiplas lesões vasculares
  • Como diferenciar infarto lacunar de espaço perivascular dilatado
Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.