Leia mais:
Leia mais:
Quiz: qual o provável diagnóstico dessas lesões?
Quiz: qual tratamento deve ser iniciado?
Como eu trato? Curso de atualização em condutas pediátricas em Dermatologia

Whitebook: quais as etiologias do eritema pigmentar fixo?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Publicamos recentemente um quiz sobre uma lesão arredondada na pele. Por isso, em nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do Whitebook Clinical Decision, vamos abordar as etiologias e apresentação clínica do eritema pigmentar fixo.

Baixe agora gratuitamente o Whitebook e tenha tudo sobre todas as condutas médicas, na palma da mão!

Este conteúdo deve ser utilizado com cautela, e serve como base de consulta. Este conteúdo é parte de uma conduta do Whitebook e é destinado a profissionais de saúde. Pessoas que não estejam neste grupo não devem utilizar este conteúdo.

médico conversando sobre eritema pigmentar fixo

Etiologias do eritema pigmentar fixo

Doença causada pelo uso de medicamento, tendo mais de 100 medicamentos já relacionados com o quadro.

Os principais medicamentos relacionados são: antibióticos (Levofloxacino, Ciprofloxacino, Sulfametoxazol-trimetoprima, Metronidazol, Tinidazol, Tetraciclina, Doxiciclina, Amoxicilina, Rifampicina, Dapsona), anti-inflamatórios não esteroidais (Piroxicam, Ibuprofeno, Naproxeno e Ácido Mefenâmico), Dipirona, Paracetamol, Ácido acetilsalicílico, contraceptivo oral, Alopurinol, Fenitoína, Carbamazepina e Fenobarbital.

Por vezes pode ter reação cruzada entre drogas de estruturas similares (ex.: Sulfametoxazol-trimetoprima e tetraciclinas).

Medicações mais comuns de acordo com o tipo clínico:

  • Localizado: Sulfametoxazol-trimetoprima e anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs);
  • Mucosa: Oral por Naproxeno e Sulfametoxazol oral, genitália feminina por AINEs e genitália masculina por tetraciclinas e Sulfametoxazol-trimetoprima;
  • Não pigmentado: Pseudoefedrina;
  • Generalizado bolhoso: Antibióticos (Metronidazol, Sulfametoxazol-trimetoprima e Rifampicina) e analgésicos (Ibuprofeno).

Mais raramente:

  • Medicações tópicas;
  • Medicações intravaginais;
  • Vacina contra Influenza;
  • Contraste intravenoso;
  • Exposição aos raios ultravioletas A e B;
  • Alimentos: Ex.: quinino (água tônica ou gin), kiwi, morango, amendoim, castanha de caju, amêndoas, nozes, aspargos, marisco, caranguejo, lentilha, lactose e corante amarelo.

Apresentação clínica

Anamnese

Epidemiologia:

  • Reação adversa à droga relativamente comum (14-22% dos casos);
  • Mais comum entre adultos jovens e de meia-idade, porém pode ocorrer desde crianças até idosos;
  • Afeta ambos os sexos igualmente;
  • Generalizado bolhoso ocorre mais em idosos.

Quadro clínico:

  • Surge 1-2 semanas após a primeira exposição à droga, e, nas exposições subsequentes, pode surgir nos mesmos locais após 1-3 dias;
  • Máculas ou placas circulares (ovais ou arredondadas), bem demarcadas, eritematosas ou violáceas, de centro cinza-escuro ou marrom;
  • Única ou múltiplas lesões (maioria ≤ 5 lesões);
  • Tamanhos variados, podendo ter até vários centímetros;
  • Costuma ser assintomático, mas pode vir acompanhado de prurido, queimação e dor;
  • Pode aparecer em qualquer local do corpo, sendo mais comum nas extremidades superiores, região periorificial da face, lábios, região acral, tronco e genitália;
  • Áreas onde previamente houve trauma cutâneo – como queimadura, picada e herpes simples – e já curados são locais mais acometidos;
  • As lesões costumam resolver poucos dias até algumas semanas após a suspensão da medicação e deixam uma hiperpigmentação acastanhada pós-inflamatória durante alguns meses;
  • Após novo uso da medicação causadora, as lesões retornam exatamente nos mesmo locais, e, a cada recorrência, locais adicionais podem ser envolvidos;
  • Tipos clínicos:
    • Localizado pigmentado: Mais comum, é autolimitado;
    • Localizado bolhoso: Bolhas hemorrágicas e erosões em meio à placa eritematosa ou violácea;
    • Mucoso: Comum ter bolha, erosão, afta e/ou eritema; geralmente evoluindo sem pigmentação residual; ocorre na mucosa oral (língua ou palato duro), genital feminina (vulva) ou genital masculina (glande do pênis); pode ter alterações cutâneas associadas;
    • Não pigmentado: Raro; clínica semelhante ao do localizado pigmentado mas evoluiu 2-3 semanas depois com resolução e sem a hiperpigmentação pós-inflamatória; lesões são mais simétricas e bem delimitadas que o tipo pigmentado;
    • Generalizado: Clínica semelhante ao do localizado pigmentado mas com lesões múltiplas e bilaterais; tipicamente no tronco e extremidades; poupa as mucosas;
    • Generalizado bolhoso: Raro; máculas e placas edematosas, eritematosas, violáceas ou acastanhadas, bem delimitadas, com vesículas, bolhas flácidas e erosões sobrepostas em um fundo de hiperpigmentação difusa; ≥ 3 áreas corporais separadas acometidas; bolhas acometem um pequeno percentual da área corporal afetada; existem áreas de pele sã adjacentes; raramente acomete mucosa e quando acomete é leve; sem sintomas sistêmicos; pacientes com histórico de lesões localizadas, e quadro generalizado acaba ocorrendo pela recorrência da exposição à medicação causadora em geral 1-24 horas após o uso da medicação; pode ser fatal;
    • Eritema multiforme símile: Com lesões em alvo;
    • Linear: Lesões seguindo as linhas de Blaschko.
Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia a dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica. Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.
Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.