Caso clínico: paciente dispnéica, taquicárdica e com engasgos nas refeições

MSM, 77 anos, comparece a emergência com queixa de “falta de ar”. Já apresenta dispneia há 8 anos, que iniciou aos grandes esforços e na última semana ocorre em repouso. Em sua história patológica pregressa, apresentava fenômeno de Raynaud há 25 anos, sem acompanhamento médico.

Ao exame físico, observou-se paciente dispneica, taquicárdica (fc: 150), ritmo cardíaco irregular, espessamento cutâneo discreto nos membros. Refere engasgos em algumas refeições.

ECG: diagnóstico de fibrilação atrial
ECOTT: sugestivo de hipertensão pulmonar

Observando-se detalhadamente as mãos da paciente pode-se perceber alguns sinais interessantes. Você saberia citar quais? (a resposta está no final do texto)

Foi solicitada a radiografia da mão. Qual a principal alteração? Ela esclarece o que poderia ser o nódulo observado ao exame físico? (a resposta está no final do texto)

Diante do exposto, qual a principal hipótese para este caso? Responda nosso quiz!

Quiz

Limite de tempo: 0

Sumário do Quiz

0 de 1 questões completadas

Perguntas:

  1. 1

Information

Diante do exposto, qual a principal hipótese para este caso? Responda nosso quiz!

Você já fez este questionário anteriormente. Portanto, não pode fazê-lo novamente.

Quiz is loading...

You must sign in or sign up to start the quiz.

Para iniciar este questionário, você precisa terminar, antes, este questionário:

Resultados

0 de 1 perguntas respondidas corretamente

Seu tempo:

Acabou o tempo

Você conseguiu 0 de 0 pontos possíveis (0)

Categorias

  1. Sem categoria 0%
  1. 1
  1. Respondido
  2. Revisão
  1. Pergunta 1 de 1
    1. Pergunta

    Qual a principal hipótese para este caso?

    Correto

    Deve-se investigar um possível caso de esclerodermia, tendo em vista o espessamento da pele e sinais/sintomas da síndrome CREST (calcinose, Raynauld, provável distúrbio esofageano, telangectasias). Aparentemente, a paciente ainda não apresenta esclerodactilia. A hipertensão arterial pulmonar deve ser confirmada com a catetrização do lado direito do coração e seria um fator de mau prognóstico, no contexto de esclerodermia. A fibrilação atrial pode indicar comprometimento cardíaco pela doença.

    Incorreto

    Deve-se investigar um possível caso de esclerodermia, tendo em vista o espessamento da pele e sinais/sintomas da síndrome CREST (calcinose, Raynauld, provável distúrbio esofageano, telangectasias). Aparentemente, a paciente ainda não apresenta esclerodactilia. A hipertensão arterial pulmonar deve ser confirmada com a catetrização do lado direito do coração e seria um fator de mau prognóstico, no contexto de esclerodermia. A fibrilação atrial pode indicar comprometimento cardíaco pela doença.

 

  • Resposta 1: pode-se observar telangectasias, um pequeno nódulo no primeiro quirodáctilo e cianose de extremidade pelo Raynaud.
  • Resposta 2: sim, calcinose no primeiro quirodáctilo direito.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Autora:

Relacionados