Categorias: Neurologia

Amamentação: estudo indica benefício na prevenção da Esclerose Múltipla

Um estudo recente publicado no Journal of the American Heart Association, mostrou uma relação entre amamentar e o risco reduzido de AVC e doença cardíaca. Agora, outro benefício foi demonstrado em estudo da Neurology: prevenção da Esclerose Múltipla (EM).

Para determinar se mulheres que amamentam por mais tempo ou têm menos anos férteis estão em menor risco de desenvolver esclerose múltipla, pesquisadores da Califórnia recrutaram participantes com EM recentemente diagnosticada (n = 397) e controles correspondentes (n = 433).

Foi administrado um questionário para coletar os fatores comportamentais (gravidez, aleitamento materno, uso de anticoncepcional hormonal) e biológicos (idade na menarca e menopausa, amenorreia).

Veja também: ‘Esclerose Múltipla: keypoints das diretrizes nacionais’

Entre as mulheres que tiveram filhos, uma duração acumulada da amamentação por ≥ 15 meses foi associada a um risco reduzido de EM (odds ratio ajustado [OR] 0,47, intervalo de confiança [IC] de 95%: 0,28-0,77; p = 0,003 comparado a 0-4 meses de amamentação).

Ter ≥ 15 anos de idade na menarca também foi associado a um risco menor de EM ([OR] ajustado 0,56, IC de 95%: 0,33-0,96; p = 0,035). O período fértil total e os demais fatores que o determinaram, incluindo gravidez, paridade, episódios de amenorreia e uso anticoncepcional, assim como idade no primeiro parto, não apresentaram associação significativa com o risco de esclerose múltipla.

Pelos resultados, os pesquisadores concluíram que mulheres que amamentam por mais tempo podem estar em menor risco de desenvolver esclerose múltipla.

Mais condutas na Esclerose Múltipla você encontra no Whitebook! Baixe GRÁTIS.

Referências:

  • Breastfeeding, ovulatory years, and risk of multiple sclerosis. Published online before print July 12, 2017, doi: http:/​/​dx.​doi.​org/​10.​1212/​WNL.​0000000000004207. Neurology 10.1212/WNL.0000000000004207
Compartilhar
Publicado por
Vanessa Thees

Posts recentes

Nova classificação para complicações relacionadas a cirurgias de retina

O descolamento de retina regmatogênico (DRR) é a emergência relacionada à retina mais comum e…

2 horas atrás

Superinfecção bacteriana em pacientes com pneumonia grave por Covid-19

A real incidência e impacto das complicações por infecção badcteriana nos pacientes intubados por formas…

3 horas atrás

Aumento de casos de puberdade precoce tem relação com a pandemia?

O crescimento incomum da puberdade precoce foi identificado por pesquisadores ao compararem os números de…

5 horas atrás

Intubação na escassez de sedativo: quais as alternativas medicamentosas? [podcast]

Neste episódio, o Dr. Filipe Amado falará sobre como realizar intubação no cenário de escassez…

19 horas atrás

Diagnóstico de mieloma múltiplo: o papel dos exames de imagem

O mieloma múltiplo (MM) é uma neoplasia hematológica que resulta da proliferação clonal de plasmócitos…

20 horas atrás

5 mnemônicos para salvar o plantão

Os mnemônicos, que já são consagrados como estratégia de estudo, também podem nos ajudar na…

21 horas atrás