Leia mais:
Leia mais:
Pólipo após colonoscopia, e agora?
Novas recomendações americanas de seguimento pós-polipectomia em colonoscopia
Caso clínico: Paciente com dor abdominal após colonoscopia
Anti-histamínico melhora grau de sedação durante colonoscopia

Anti-histamínico melhora grau de sedação durante colonoscopia

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minuto.

Durante o World Congress of Gastroenterology 2017, pesquisadores apresentaram um estudo indicando que o uso de anti-histamínico (Benadryl), além dos sedativos convencionais, durante a colonoscopia diminui a dor e melhora a qualidade da sedação.

Para chegar nessa conclusão, pesquisadores randomizaram 119 pacientes de um hospital em Oklahoma, entre 2014 e 2016. Todos os pacientes usavam opioides crônicos (definidos como, pelo menos, 5 mg de morfina ou seu equivalente por, pelo menos, 3 dias por semana por mais de 3 meses ) e foram agendados para serem submetidos a uma colonoscopia.

Antes do procedimento, os participantes receberam fentanil intravenoso e midazolam + 50 mg de difenidramina ou placebo. A qualidade da sedação foi então avaliada categoricamente e quantitativamente em uma escala de pontos.

A difenidramina melhorou os escores do paciente para dor em comparação com o placebo (média de 2.05 vs. 3,09) e amnésia (7,8 vs. 6,5; p = 0,047 para ambas as comparações). Além disso, episódios de hipotensão foram mais comuns nos pacientes que receberam placebo. Não houve diferenças significativas no tempo de indução, duração do procedimento ou tempo de recuperação entre os grupos.

Veja também: ‘Quais práticas conduzem aos melhores resultados em crianças submetidas à sedação?’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar