Cetoacidose diabética em crianças durante a pandemia de Covid-19

Estudo mostra aumento significativo de quadros de cetoacidose diabética em crianças com diagnóstico recente de DM1 na pandemia. Saiba mais.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A pandemia de Covid-19 levou a importantes medidas de saúde pública que resultaram na diminuição da utilização de cuidados pediátricos agudos. O estudo Diabetic ketoacidosis at type 1 diabetes diagnosis in children during the Covid-19 pandemic, de Ho e colaboradores, publicado no jornal Pediatric Diabetes, mostrou que, no Canadá, houve um aumento significativo de quadros de cetoacidose diabética (CAD) e CAD grave em crianças com diagnóstico recente de diabetes mellitus tipo 1 (DM1) durante a pandemia.

Os pesquisadores avaliaram se a frequência de apresentações graves de início de DM1, como cetoacidose diabética, foi modificada desde que as medidas de saúde pública contra a Covid-19 foram promulgadas. Dessa forma, foi realizada uma análise retrospectiva de prontuários de pacientes pediátricos com idade inferior a 18 anos, apresentando início de DM1 durante o período pandêmico, de 17 de março a 31 de agosto de 2020. A pesquisa foi realizada em dois hospitais pediátricos terciários em Alberta, no Canadá. As taxas de CAD e CAD grave foram comparadas ao mesmo período de tempo no ano de 2019 (controle pré-pandêmico). 

Os resultados mostraram que o número de crianças com diagnóstico recente de diabetes mellitus tipo 1 foi semelhante durante o ano pandêmico de 2020 em comparação ao ano de 2019 (107 crianças em 2020 versus 114 em 2019). A frequência de CAD foi significativamente maior no período pandêmico (68,2% versus 45,6%; p <0,001). A incidência de CAD grave também foi maior (27,1% em 2020 versus 13,2% em 2019; p = 0,01). 

O fato de ser uma coleta de dados retrospectiva limita o estudo. Algumas informações, como sintomas e sua duração, por exemplo, dependiam de documentação de informações autorrelatadas que poderiam estar sujeitas a viés de memória. Além disso, a identificação de casos foi limitada aos bancos de dados em Calgary e Edmonton e não incluiu hospitais rurais. 

Esse estudo mostrou que, durante a pandemia, as apresentações iniciais do DM1 foram mais graves, provavelmente devido ao impacto no sistema de saúde e na prestação de serviços. É importante frisar que, durante a pandemia, não houve aumento na incidência de diabetes mellitus tipo 1 em crianças. Todavia houve um aumento significativo nas taxas de cetoacidose diabética. Dessa forma, o reconhecimento precoce das manifestações clínicas do DM1 por profissionais de saúde e familiares pode levar ao início rápido de estabilização e tratamento ambulatorial eficazes.

Leia também: Cetoacidose diabética e EHH: revisão e fluxograma de manejo

O estudo ressalta a importância do acesso oportuno aos cuidados de saúde e encaminhamento imediato para serviços de diabetes mellitus tipo 1 pediátrico ou para o pronto-socorro após o reconhecimento dos sintomas de DM1. Quando o diagnóstico é retardado, os pacientes continuarão a ter descompensação metabólica rápida, resultando em CAD. A CAD está associada à morbidade e mortalidade, e os pesquisadores reforçam que esses dados apoiam a necessidade de campanhas de conscientização direcionadas à prevenção da cetoacidose diabética no diagnóstico de DM1 por meio do reconhecimento e tratamento precoces. Isso enfatiza a necessidade de educar os profissionais de saúde e as famílias para que estejam cientes dos sintomas da hiperglicemia e da importância da identificação e da terapêutica, mesmo diante de medidas de saúde pública para evitar a disseminação da Covid-19.

 

Referência bibliográfica:

  • Ho J, Rosolowsky E, Pacaud D, et al. Diabetic ketoacidosis at type 1 diabetes diagnosis in children during the COVID-19 pandemic [published online ahead of print, 2021 Mar 21]. Pediatr Diabetes. 2021;10.1111/pedi.13205. doi: 10.1111/pedi.13205

 

 

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão