Doxiciclina na profilaxia de DST após sexo sem preservativo entre homens é eficaz?

Pesquisadores investigaram se profilaxia pós-exposição com doxiciclina pode reduzir a incidência de DST nessa população. Os resultados foram publicados no Lancet Infectious Diseases.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

O número de doenças sexualmente transmissíveis (DST) tem aumentado nos últimos anos entre homens que fazem sexo com homens. Pensando nisso, pesquisadores investigaram se uma profilaxia pós-exposição com doxiciclina pode reduzir a incidência de DST nessa população. Os resultados foram publicados no início de dezembro no Lancet Infectious Diseases.

Para esse estudo randomizado, 232 homens do ensaio open-label francês ANRS IPERGAY foram incluídos. Todos tinham 18 anos ou mais, tiveram relação sexual com outros homens sem camisinha e receberam profilaxia pré-exposição ao HIV com fumarato de tenofovir desoproxila mais emtricitabina.

Os participantes foram randomizados para tomar uma dose oral única de 200 mg de doxiciclina dentro de 24 h após a relação sexual ou nenhuma intervenção. O desfecho primário foi a ocorrência de uma primeira DST (gonorreia, clamídia ou sífilis) durante o follow-up de 10 meses.

Resultados

Setenta e três participantes apresentaram uma nova DST. A incidência foi menor em pacientes que tomaram doxiciclina do que naqueles que não receberam intervenção (28 casos vs. 45 casos; hazard ratio [HR] = 0,53; IC de 95%: 0,33 a 0,85; p = 0,008).

Resultados semelhantes foram observados para a ocorrência de um primeiro episódio de clamídia (HR = 0,30; IC de 95%: 0,13 a 0,70; p = 0,006) e sífilis (HR = 0,27; IC de 95%: 0,07 a 0,98; p = 0,047). Para gonorreia, os resultados não diferiram significativamente. As taxas de eventos adversos graves foram semelhantes nos dois grupos de estudo.

Pelos achados, os pesquisadores concluíram que a profilaxia pós-exposição com doxiciclina pode reduzir incidência de DST entre homens que têm relação sexual com outros homens sem preservativo.

Você sabia? ‘Vacina meningocócica pode proteger contra a gonorreia’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades

Tags

dst