eCASH: Atualização em Analgesia e Sedação (Conduta Médica em Terapia Intensiva) – Parte 2

Continuando nossa análise do eCASH (diretriz de analgesia e sedação centrada no paciente), hoje apresentamos os conceitos mais atuais de manejo da sedação em terapia intensiva. Leia também: eCASH: Atualização em Analgesia e Sedação (Parte 1) As melhores condutas em terapia intensiva você encontra no:  Whitebook Clinical Decision! Manejo da Sedação: No eCASH, sedação leve objetiva …

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

bContinuando nossa análise do eCASH (diretriz de analgesia e sedação centrada no paciente), hoje apresentamos os conceitos mais atuais de manejo da sedação em terapia intensiva.

Leia também: eCASH: Atualização em Analgesia e Sedação (Parte 1)

As melhores condutas em terapia intensiva você encontra no:  Whitebook Clinical Decision!
Este conteúdo deve ser utilizado com cautela, e serve como base de consulta. Este conteúdo é destinado a profissionais de saúde. Pessoas que não estejam neste grupo não devem utilizar este conteúdo.
  • Manejo da Sedação:

No eCASH, sedação leve objetiva que o paciente atinja a regra dos 3C: Calmo, Confortável e Cooperativo. Idealmente, o paciente pode acordar, manter contato ocular e interagir com a equipe médica e familiares, e dormir quanto desejar; correspondendo este estado a escala de RASS -1/0. Este estado de sedação leve ou sem sedação é o que está mais associado a desfechos favoráveis.

O eCASH também inclui cuidados preventivos de agitação e delirium, que devem ser continuamente reavaliados no paciente e condições contribuintes devem ser adequadamente tratadas, como: perfusão cerebral comprometida; sepse; hipertermia; distúrbios hidroeletrolítico, distúrbios do sono; além de suspender o uso de medicamentos causadores de delirium. A avaliação do delirium pode ser feita através do CAM-ICU.

Uma sedação leve e superficial passa pela escolha do sedativo. Cada vez mais os benzodiazepínicos estão sendo desencorajados como primeira linha de tratamento, devido ao seu efeito prolongado e capacidade de impregnação, sendo preferíveis sedativos de curta ação e de fácil titulação, como o propofol e a dexmedetomidina. A sedação utilizando a dexmedetomidina como primeira escolha, por exemplo, quando compara ao midazolam, revelou menor risco de delirium, menor tempo de ventilação mecânica e menor tempo de internação. Benzodiazepínicos podem ser reservados para indicações restritas, como: amnesia durante procedimentos; convulsões; agitação intratável; abstinência alcoólica; tratamento paliativo; e patologias graves do sistema nervoso central. Quanto utilizados, deve-se preferir seu uso intermitente do que por infusão contínua, o que parece estar associado a menor incidência de delirium.

Sedação profunda a moderada, no entanto, continua sendo recomendada em algumas situações:

  • Pacientes com insuficiência respiratória e dissincronia paciente-ventilador;
  • Pacientes em uso de bloqueadores neuromusculares;
  • “Status epilepticus”;
  • Condições cirúrgicas que necessitem imobilização rigorosa;
  • Algumas lesões intracranianas acompanhadas de hipertensão intracraniana.

No contexto da dissincronia paciente-ventilador, vale destacar que a primeira medida deve ser encontrar um modo ventilatório e parâmetros que permitam uma melhor sincronia, antes de aumentar a sedação, seguindo a máxima: “O ventilador sempre deve ser adaptado ao paciente, e não o paciente ao ventilador.”

Fiquem de olho em nossa próxima postagem, detalhando os princípios do cuidado centrado no paciente e o manejo do sono.

Leia também: eCASH: Atualização em Analgesia e Sedação (Parte 1)

ban

Referências Bibliográficas:

  • Jean-Louis Vincent et al. Comfort and patient-centred care
without excessive sedation: the eCASH concept. Intensive Care Med (2016) 42:962–971. DOI: 10.1007/s00134-016-4297-4.
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão