Blog do Whitebook

Educação médica continuada em gestão e inovação: qual é a sua importância?

Tempo de leitura: 3 min.

Ter uma educação médica continuada em gestão e inovação é fundamental para os profissionais que querem oferecer a melhor experiência para seus pacientes.

Um estudo sobre educação médica continuada, divulgado na SciELO, afirma que como os avanços na área da saúde são constantes, o conhecimento dos profissionais se tornam desatualizados facilmente.

“No total, 32 de 62 estudos (52%) demonstraram uma associação negativa entre maior experiência e performance, ou seja, a performance diminuiu à medida que a experiência aumentou, para todos os desfechos avaliados.”

O estudo aponta que, médicos que estão em prática por mais tempo, costumam ter menos conhecimentos atualizados e podem ter desfechos clínicos piores.

Para evitar que essa tendência aconteça com você, é fundamental investir na atualização da sua educação.

Continue a leitura!

Qual é a importância de ter uma educação médica continuada em gestão e inovação?

Após tantos anos de estudo e dedicação, os profissionais conseguem terminar sua graduação com uma excelente bagagem de conhecimento técnico.

Entretanto, as inovações na Medicina não param em nenhum momento. Durante apenas um ano, nomes de medicamentos podem ter sido mudados, novos tratamentos terão surgido, e assim por diante.

Ou seja, uma matéria que você aprendeu no primeiro ano do curso, pode estar desatualizada quando você estiver na residência.

Por isso, contar com um aplicativo como o Whitebook, que tem mais de 9 mil materiais produzidos por médicos para auxiliar na tomada de decisão clínica, é fundamental.

Além disso, mesmo com um curso tão completo no Brasil como a Medicina, ainda sim matérias como empreendedorismo, gestão, tecnologia e inovação, ficam em falta.

Diferente do que muitos imaginam, ao sair da faculdade é necessário ter conhecimento não apenas para a prática clínica, mas para atuar em um estabelecimento médico ou até mesmo gerir um.

Segundo a pesquisa “A Interdisciplinaridade Necessária à Educação Médica”, essa conexão entre diferentes fontes de conhecimento é uma exigência da sociedade para a Medicina atual.

Ela também garante o cumprimento das competências e habilidades preconizadas nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina, que são:

“atenção à saúde, tomada de decisões, comunicação, liderança, administração e gerenciamento, educação permanente e conhecimentos, competências e habilidades específicas, sempre buscando uma visão holística do paciente.”

Como é possível notar nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina, a administração, assim como gestão e inovação, são conhecimentos imprescindíveis para os médicos.

Como ter uma educação médica continuada em gestão e inovação?

Para garantir que você sempre terá acesso às últimas novidades da sua especialidade, é essencial contar com um aplicativo como o Whitebook, e realizar cursos exclusivos para a área da saúde.

Os cursos da iClinic, por exemplo, são totalmente onlines e desenvolvidos especialmente para médicos.

Dessa forma, você pode se especializar em marketing médico, gestão financeira, abertura de clínicas, entre outras matérias, sem precisar alterar sua rotina profissional.

Afinal, como os cursos são online, você pode realizá-los de qualquer lugar, a qualquer momento.

Um estudo sobre o papel do ensino a distância na educação médica continuada mostra que ao redor do mundo, a EMaD (Educação Médica a Distância), ganha espaço com os programas de certificação de qualidade.

“Diante das dimensões territoriais de nosso país, da concentração de riqueza e conhecimento nas regiões sudeste e sul, das iniciativas para melhorar a qualidade do ensino médico e da relação médico-paciente, a EmaD parece ser um mecanismo que, se bem planejado e bem-sucedido, poderia ajudar a corrigir ou amenizar algumas destas distorções.”

O ensino a distância consegue alcançar profissionais com restrições econômicas ou de tempo. De qualquer lugar do mundo, eles conseguem participar de eventos, congressos e cursos.

Esse movimento ajuda não apenas os médicos, mas o sistema de saúde como um todo, que contará com profissionais cada vez mais qualificados e atualizados.

Viu como é importante garantir sua educação médica continuada em gestão e inovação?

Como você busca atualizar seus conhecimentos hoje em dia? Compartilhe sua experiência aqui embaixo nos comentários!

Compartilhar
Publicado por
Felipe Lourenço

Posts recentes

Temas controversos em UTI: hipotensão arterial

Um dos principais motivos que indicam internação em uma UTI é a presença de hipotensão…

7 horas atrás

Check-up Semanal: anticorpos da vacina de Covid-19 na gestação, síndrome do impostor e mais! [podcast]

Check-up Semanal: confira as últimas notícias sobre anticorpos da vacina de Covid-19 na gestação, síndrome…

8 horas atrás

Lesão miocárdica após cirurgia não cardíaca

A AHA lançou um documento com orientações em relação ao diagnóstico e manejo de pacientes…

10 horas atrás

Mortalidade de pacientes com problemas cardíacos pós-Covid é de 42%, aponta estudo do InCor

A taxa de mortalidade em pacientes com problemas cardíacos em decorrência da Covid-19 é de…

11 horas atrás

Metformina versus insulina ou gliburida no controle do diabetes mellitus gestacional e desfechos neonatais

O diabetes mellitus gestacional é uma condição de extrema importância para os desfechos neonatais. Com…

12 horas atrás

Jejum intermitente: Evidências a favor dessa prática para melhora do perfil metabólico

O jejum intermitente, uma estratégia alimentar muito utilizada nos dias atuais, consiste na alternância de…

13 horas atrás