Maior consumo de sódio acontece fora de casa

Grande parte da população consome sódio em excesso, o que pode trazer riscos de hipertensão arterial e de doença coronariana, por exemplo, de acordo com projeções de Bibbins-Domingo et al.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Queremos saber a sua opinião! Gostou de ouvir essa notícia em áudio? Clique aqui e responda nossa pesquisa.

Grande parte da população consome sódio em excesso, o que pode trazer riscos de hipertensão arterial e de doença coronariana, por exemplo, de acordo com projeções de diversos estudos, como de Bibbins-Domingo et al.

Pensando nisso, uma pesquisa, realizada nos Estado Unidos, procurou entender como isso acontece para elaborar estratégias para a diminuição desse consumo. Os resultados mostraram que mais de dois terços (70,9%) do consumo total de sódio da amostra aconteceu em comidas fora de casa, o que corrobora a recomendação do Instituto de Medicina 2010 para a redução de sódio em alimentos processados comercialmente.

Quer receber diariamente notícias médicas no seu WhatsApp? Cadastre-se aqui!

Apesar de recomendações como esta aparecerem em diretrizes americanas desde 1980, o consumo em excesso desse elemento não diminuiu ao longo dos anos. O estudo atual apresentou os mesmo achados de Mattes e Donnelly em 1991, que encontraram sódio: nos alimentos fora de casa (comercialmente), inerente ao alimento, no sal adicionado ao alimento na mesa, no sal adicionado na preparação de alimentos caseiros e o da água consumida como bebida, fora e dentro de casa.

No último estudo, o inerente ao alimento foi o segundo maior contribuinte no consumo de sódio (14,2%), seguido pelo sal da culinária caseira (5,6%), pelo adicionado à comida na mesa (4,9%) e, por fim, a água da torneira doméstica (que é consumida como bebida) e os antiácidos (menos de 0,5% cada).

Participaram da pesquisa 450 adultos de três áreas metropolitanas dos Estados Unidos, recrutados em proporções iguais de homens e mulheres, e de grupos étnicos (negros, asiáticos, hispânicos e brancos não hispânicos).

Veja também: ‘Especial hipertensão: quando a investigação deve ir além do trivial’

Referência:

  • https://circ.ahajournals.org/content/135/19/1775
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades

Tags