Página Principal > Endocrinologia > Oxigênio hiperbárico no tratamento do pé diabético traz benefício?
estetoscópio pendurado no pescoço do médico

Oxigênio hiperbárico no tratamento do pé diabético traz benefício?

Tempo de leitura: 1 minutos.

A terapia com oxigênio hiperbárico no tratamento do pé diabético ainda é controverso, devido a evidências conflitantes sobre o tema. Um novo artigo, publicado recentemente na revista Diabetes Care, investigou essa questão.

Para esse estudo, 120 pacientes com pé diabético foram randomizados para cuidados padrão sem oxigênio hiperbárico (n = 60) ou cuidados padrão + oxigênio hiperbárico (n = 60). Os desfechos primários incluíram salvar o membro, a cicatrização das feridas após 12 meses e o tempo para cicatrização. Os desfechos secundários foram a sobrevivência sem amputação e mortalidade.

Resultados

Os resultados foram:

  • Salvar o membro: foi alcançado em 47 pacientes no grupo de cuidados padrão vs. 53 pacientes no grupo de cuidados padrão + oxigênio hiperbárico (diferença de risco: 10%; IC de 95%: -4 a 23)
  • Cicatrização após 12 meses: 28 feridas no grupo de cuidados padrão vs. 30 no grupo cuidados padrão + oxigênio hiperbárico (diferença de risco: 3%; IC de 95%: -114 a 21).
  • Sobrevida sem amputação: foi alcançado em 41 pacientes do grupo cuidados padrão e 49 pacientes no grupo cuidados padrão + oxigênio hiperbárico (diferença de risco: 13%; IC de 95%: -2 a 28).

No grupo de cuidados padrão + oxigênio hiperbárico, 21 pacientes (35%) não conseguiram completar o protocolo; aqueles que conseguiram, tiveram menos amputações importantes e maior sobrevida livre de amputação.

Pelos achados, os pesquisadores concluíram que a terapia com oxigênio hiperbárico não apresentou o benefício esperado em pacientes com pé diabético.

Leia também: ‘Veja a nova diretriz para manejo de pé diabético por médicos generalistas’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

  • Santema KTB et al. Hyperbaric oxygen therapy in the treatment of ischemic lower-extremity ulcers in patients with diabetes: Results of the DAMO2CLES multicenter randomized clinical trial. Diabetes Care 2018 Jan; 41:112 | http://dx.doi.org/10.2337/dc17-0654

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.