Tramadol em pacientes com artrose pode aumentar a mortalidade

Novo artigo publicado no Journal of the American Medical Association indica que o uso de tramal em pacientes com artrose pode aumentar a mortalidade.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Tramadol é um analgésico opioide muito usado no alívio da dor moderada a grave. Algumas sociedades americanas recomendam o fármaco para o tratamento de osteoartrite do joelho. No entanto, um novo artigo, publicado em março no Journal of the American Medical Association (JAMA), indica que o uso de tramal em pacientes com artrose pode aumentar a mortalidade.

Para chegar nessa conclusão, pesquisadores no Reino Unido realizaram um estudo de coorte com 88.902 pacientes (idade média: 70,1 anos; 61,2% do sexo feminino) com diagnóstico de osteoartrite, retirados do banco de dados britânico. Os participantes receberam prescrição inicial de tramadol (n = 44.451), codeína (n = 16.922), naproxeno (n = 12.397), diclofenaco (n = 6.512), celecoxibe (n = 5.674), etoricoxibe (n = 2.946).

tramadol

Tramadol e artrose

O desfecho primário foi a mortalidade por qualquer causa em 1 ano após a prescrição de tramadol, comparado com os outros fármacos. Os resultados foram:

Tramadol x naproxeno 

Durante o follow-up, foram registradas 278 (23,5/1000 pessoas-anos) mortes no grupo que recebeu tramadol e 164 (13,8/1000 pessoas-anos) no grupo naproxeno (diferença de 9,7 mortes/1000 pessoas-anos; HR 1,71).

Leia maisTolerância aos opioides: você sabe como evitar?

Tramadol x diclofenaco 

A mortalidade também foi maior com tramadol (36,2/1000 pessoas-anos) do que com diclofenaco (19,2/1000 pessoas-anos; HR 1,88)

Tramadol x celecoxibe

A taxa de mortalidade por todas as causas foi de (HR 1,70):

  • Tramadol: 31,2/1000 pessoas-anos
  • Celecoxibe: 18,4/1000 pessoas-anos

Tramadol x etoricoxibe (HR 2,04)

  • Tramadol: 25,7/1000 pessoas-anos
  • Etoricoxibe: 12,8/1000 pessoa-anos

Tramadol x codeína

Nenhuma diferença estatisticamente significativa na mortalidade por todas as causas foi observada.

Conclusões

Entre os pacientes idosos com artrose, a prescrição inicial de tramadol foi associada a uma maior taxa de mortalidade em 1 ano, quando comparado a outros anti-inflamatórios não-esteroides comumente prescritos. Os autores alertam que esses achados ainda não são suficientes para uma mudança na conduta e precisam ser reforçados por estudos futuros.

Uso de codeína e tramadol em crianças: veja as novas recomendações

Referências:

  • Zeng C, Dubreuil M, LaRochelle MR, et al. Association of Tramadol With All-Cause Mortality Among Patients With Osteoarthritis. JAMA. 2019;321(10):969–982. doi: 10.1001/jama.2019.1347
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão