Página Principal > Residência Médica > Conheça o programa de residência em Medicina de Emergência do HCFMUSP
residência

Conheça o programa de residência em Medicina de Emergência do HCFMUSP

Tempo de leitura: 5 minutos.

A residência em Medicina de Emergência (ME) é ainda uma novidade para a maioria dos hospitais e centros universitários do país. Reconhecida como especialidade apenas em 2015, objetiva uma formação mais apropriada e específica do profissional que trabalha nas unidades de emergência, buscando um atendimento mais sistematizado e eficiente para a população.

Atualmente, o programa é oferecido em hospitais públicos e particulares de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará e Rio Grande do Sul – os dois últimos foram estados pioneiros na ME, com programas existentes antes mesmo do reconhecimento da especialidade.

A residência tem duração de três anos, com ingresso por acesso direto, ou seja, sem necessidade de pré-requisito e os programas incluem diversas áreas da medicina que abrangem competências esperadas a um emergencista, tais como Pediatria, Cirurgia Geral e Trauma, Anestesiologia, Clínica Médica, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Oftalmologia, Obstetrícia, Psiquiatria.

Residência em Medicina de Emergência no HCFMUSP

A residência em ME no Hospital das Clínicas da FMUSP (HCFMUSP) começou em 2017, oferece 12 vagas anuais, com ingresso por meio de processo seletivo organizado pela COREME da Instituição, com provas teórica, prática e entrevista.

O Programa de Residência do HCFMUSP é o que possui o maior número de vagas. Ao longo dos três anos de residência temos a oportunidade de formação e prática nos diversos institutos que compõem o HCFMUSP, tais como o Instituto do Coração (INCOR), Instituto da Criança (ICr), Instituto do Câncer (ICESP), Instituto de Ortopedia e Traumatologia (IOT), Instituto de Psiquiatria e o Instituto Central, o qual representa nosso principal local de prática com o Pronto Socorro da Clínica Médica (PSM), mas também com os estágios de Oftalmologia e Otorrinolaringologia.

A supervisão do programa é composta por médicos e professores da Disciplina de Emergências Clínicas da Faculdade de Medicina USP. A disciplina é conhecida por realizar um curso teórico e um livro com reedições anuais para atualização em ME, ambos são referências nacionais no tema.

Detalhes da Residência em Medicina de Emergência no HCFMUSP

A grade do R1, R2 e R3 engloba todas as grandes áreas que estão no escopo da ME. Os estágios são mensais, com possibilidade estágio eletivo no R2 e R3. Está previsto no Programa a passagem por locais de prática fora do HC, para treinamento em trauma e para experiência do residente em locais de atendimento primário e secundário.
Ao longo da formação, o residente tem contato com casos complexos e variados, visto que o HCFMUSP é uma grande referência ao estado de São Paulo.

Além da sala de emergência geral, as emergências clínicas são contempladas em rodízios específicos de emergências cardiológicas, neurológicas e oncológicas. A formação também abrange de três a quatro meses de prática nas UTIs do Instituto Central, que recebem pacientes clínicos e cirúrgicos pós-trauma. Ainda fazem parte do Programa de Residência, o treinamento em emergência de pediatria, trauma e ortopedia, atendimento pré-hospitalar e estágio específico em gestão.

Leia maisComo é a residência em Clínica Médica do Hospital das Clínicas da FMUSP?

O treinamento no uso e na interpretação de métodos complementares de imagem é prioritário na residência. O HCFMUSP possui aparelhos de ultrassonografia disponibilizados para exames à beira do leito (point of care) em diversos setores, os quais são constantemente utilizados para complementar a avaliação do paciente. Ao longo do R1, o residente participa de um curso básico de formação teórica em USG e no R3 acompanha médicos radiologistas/cardiologistas do Instituto de Radiologia (InRad) em exames de ecocardiografia nas UTI e enfermarias do HC.

O Programa de ME também possui uma programação teórica. Semanalmente, toda quarta-feira, de 13h30 às 18h, todos os residentes se reúnem no anfiteatro da disciplina para discussão de artigos, casos clínicos, aulas expositivas, apresentações de textos que são referência internacional em ME, reuniões de morbimortalidade, além de simulações de casos clínicos reais (nos laboratórios de habilidades) e aulas teórico-práticas de USG preparadas pelos R3 e preceptores.

Segue abaixo a grade da residência ME – FMUSP:

Primeiro ano – R1

  • Emergências no Trauma/Cirurgia
  • Emergência do PS do Hospital Vila Alpina
  • Habilidades em Anestesiologia – Centro cirúrgico do Hospital Vila Alpina
  • Emergências Clínicas I – Sala de Emergência do PS Central do HCFMUSP
  • Emergências Clínicas II – Sala de Emergência do PS Central do HCFMUSP
  • Estágio em Enfermaria de Pronto Socorro (Macas) – PS Central do HC-FMUSP
  • Emergências Clínicas – Atendimento de Porta do PS Central do HC-FMUSP
  • Emergências em Pediatria – PS do Hospital Universitário da USP
  • Emergências Clínicas – PS do Hospital Municipal da Lapa
  • Unidade de Cuidados Intermediários (AB) do PS Central do HCFMUSP
  • UTI do PS Central do HCFMUSP
  • Unidade de Cuidados Intensivos (UCI) do PS Central do HC-FMUSP

Segundo ano – R2

  • Emergência no Trauma/Cirurgia – PS Hospital Santa Marcelina
  • Atendimento pré-hospitalar – Grupo de Resgate e Assistência de Urgência (GRAU)
  • Emergências Clínicas I – Sala de Emergência do PS Central do HCFMUSP
  • Emergências Clínicas II – Sala de Emergência do PS Central do HCFMUSP
  • Emergências Neurológicas – PS Central do HCFMUSP
  • Emergências em Pediatria – Hospital Infantil Menino Jesus
  • Emergências Ortopédicas I – Instituto de Ortopedia e Traumatologia do HCFMUSP e PS do H. Universitário
  • Emergências Ortopédicas II – Instituto de Ortopedia e Traumatologia do HCFMUSP e PS- H. Universitário
  • Emergências em Oftalmologia (15 dias) e em Otorrinolaringologia (15 dias) – PS do HCFMUSP
  • UTI da Clínica Médica – HCFMUSP (Dr. Marcelo Park)
  • Estágio Eletivo

Terceiro ano – R3

  • Centro de Atendimento de Intercorrências Oncológicas – CAIO – ICESP
  • Ecocardiograma – Instituto de Radiologia do HCFMUSP – INRAD
  • Emergências em Cirurgia Geral e do Trauma – Hospital Grajaú
  • Emergências em Cirurgia Geral e do Trauma – Hospital Santa Marcelina
  • Gestão – Hospital Israelita Albert Einstein – HIAE
  • Instituto de Psiquiatria do HCFMUSP – IPQ
  • Pronto Socorro de Cardiologia do HCFMUSP – INCOR
  • Pronto Socorro de Ginecologia e Obstetrícia – Hospital Estadual Vila Alpina
  • Pronto Socorro de Pediatria do Instituto da Criança do HCFMUSP – ICR
  • Treinamento em Supervisão de Pronto Socorro no Instituto Central do HCFMUSP
  • Estágio Eletivo I e II

Pontos positivos e negativos

Os pontos positivos são aqueles ressaltados previamente, que incluem contar com uma estrutura diferenciada do HCFMUSP e profissionais excelentes para orientação do residente. Como em todo Programa de Residência Médica, existem também pontos negativos. Por exemplo, a residência do HCFMUSP em específico, alguns estágios são distantes e isso dificulta um pouco a rotina do residente.

O interessado na residência deve ter em mente que a ME é uma especialidade nova, uma residência ainda em construção, com a necessidade de aceitação, valorização e reconhecimento por parte das outras especialidades e dos pacientes.

Pelo renome do HCFMUSP, é normal que as pessoas tenham altas expectativas e que acreditem que tudo será perfeito no Hospital. Infelizmente, isso não é a realidade. Tanto o hospital quanto o PRM lidam com vários problemas, alguns compartilhados pelas várias unidades do SUS, outros intrínsecos às características locais. Por isso, é importante lembrar que nenhum local é perfeito e que cada hospital e PRM terá suas dificuldades, mas também oferecerá grandes oportunidades para seu desenvolvimento.

Para mais informações, acesse o site oficial do HCFMUSP.

Coautoria: Carine Carrijo de Faria (residente do 3º ano do programa de Medicina de Emergência do HCFMUSP).

Experimente o Whitebook e tenha em mãos todo conteúdo necessário para sua sobrevivência no plantão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.