Consulta pública para atualização do tratamento de espondilite anquilosante no SUS

Tempo de leitura: 3 min.

Está aberta a consulta pública para a manifestação da sociedade em geral sobre a ampliação de medicamentos biológicos na primeira linha de tratamento de espondilite anquilosante (EA) no Sistema Único de Saúde (SUS). A proposta discute a ampliação de uso de secuquinumabe como primeira etapa de terapia biológica para o tratamento da doença em pacientes adultos. Quem quiser colaborar tem até o dia 17 de maio para enviar a sua participação.

Vale lembrar que a espondilite anquilosante é um tipo de artrite, uma inflamação nos ossos ou vértebras da coluna, que também pode atingir as articulações presentes na região das nádegas.

Pode ainda apresentar outros sintomas, como dor e/ou vermelhidão nos olhos, diarreias e cólicas sem motivo aparente, dor ou inchaço nas juntas e lesões na pele (a exemplo da psoríase). As dores e a rigidez causadas pela enfermidade são piores após o repouso (principalmente pela manhã) e melhoram com a prática de exercícios físicos.

Leia também: Por que jovens estão desenvolvendo problemas na coluna típicos dos mais velhos?

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas
Cadastrar Login

Difícil diagnóstico

A doença pode ser de difícil diagnóstico para os médicos reumatologistas, uma vez que ainda não há um exame específico. Ademais, muitos indivíduos com espondilite anquilosante não sabem da sua condição e pensam que a dor está relacionada a algum tipo de tensão física nas costas, não costumando relacioná-la com a enfermidade. E, assim, contribuindo para a demora de um diagnóstico correto e precoce.

Quando não tratada adequadamente, a inflamação pode levar a uma fusão de algumas das vértebras, o que é chamado de anquilose. Essa fusão torna a coluna menos flexível e pode resultar em uma postura curvada para a frente e na perda da mobilidade. Se as costelas forem afetadas, a pessoa pode ter dificuldade para respirar profundamente, por exemplo.

Além de prejudicarem as articulações, as inflamações causam dores constantes e impactam na qualidade de vida dos pacientes, podendo gerar problemas psicológicos, como a ansiedade e a depressão.

Saiba mais: Quiz: dor recorrente na coluna dorsal – qual é a causa?

A espondilite anquilosante é mais comum no sexo masculino. Geralmente, os sinais e os sintomas começam no final da adolescência ou início da idade adulta (entre 17 e 35 anos de idade) e muitas vezes ocorrem em indivíduos da mesma família, uma vez que é causada pelo sistema imunológico do próprio organismo, sendo provável o envolvimento de fatores genéticos.

Manejo

Ainda não existe cura para a enfermidade, apenas tratamentos e remédios disponíveis para reduzir os sintomas e controlar a dor.

Atualmente, existem medicamentos que podem, inclusive, retardar a progressão da espondilite anquilosante, disponíveis para os brasileiros que possuem planos de saúde ou não.

No SUS, o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas (PCDT) da doença inclui o fornecimento de anti-inflamatórios e, quando em falta, medicamentos biológicos podem ser indicados para pacientes funcionando na inibição da proteína que provoca inflamação.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Autor(a):

Referências bibliográficas:

Compartilhar
Publicado por
Úrsula Neves

Posts recentes

12 conteúdos novos com imagens no Whitebook

O Whitebook têm recebido várias figuras. Na atualização desta semana, acrescentamos 12 conteúdos novos com…

13 horas atrás

Vacinação contra Covid-19: Papel da enfermagem na conscientização da segunda dose da vacina

A equipe de enfermagem possui um papel fundamental na conscientização da vacinação contra Covid-19 para…

14 horas atrás

Cerclagem em gestações gemelares: indicação pelo exame físico

Um trial estudou a eficácia da cerclagem na prevenção de trabalho de parto com nascimento…

15 horas atrás

Quais colírios usar no atendimento ou prescrever para tratamento de gestantes?

Sou oftalmologista e vou atender uma gestante. Quais colírios posso usar no atendimento ou prescrever…

16 horas atrás

Teste do Pezinho é ampliado e passa a detectar até 50 novas doenças pelo SUS

A ampliação do Teste do Pezinho, que eleva de seis para 50 o número de…

17 horas atrás

Avaliação da fase pré-analítica do exame de urina de rotina

O exame de urina de rotina é um dos exames mais solicitados e importantes de…

18 horas atrás